Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Neurologia

Dorival, 68 anos, em pré-operatório de carcinoma bem diferenciado localizado no colo esquerdo. História de colonoscopia há dez anos, com remoção de pólipo de 1 cm de diâmetro. Seu irmão mais velho foi operado de câncer no colo aos 80 anos. Tem história prévia de trombose venosa profunda femoropoplítea direita há 10 anos após fratura de ossos de perna e imobilização com aparelho gessado. O ecodoppler venoso recente mostra total recanalização do sistema venoso profundo direito, com discreto refluxo na veia femoral superficial. A antibioticoprofilaxia neste caso deve ser feita com:

A
gentamicina + metronizadol.
B
cefazolina + amicacina.
C
ampicilina + metronizadol.
D
ciprofloxacina.
Paciente masculino, 5 anos de idade, tem antecedente de fulguração de válvula de uretra posterior ao nascer, e usa anticolinérgico e alfabloqueador desde o primeiro ano de vida. Mãe refere que ainda não conseguiu tirar das fraldas. No último ano, teve 3 episódios de infecção urinária. Nos exames, constatou-se creatinina de 1,1, ureia de 70, potássio de 5,7 e bicarbonato de 13. O estudo urodinâmico evidenciou capacidade cistométrica máxima de 100 mL, resíduo urinário de 60 mL, pressão de perda de 50 cm H?O, com presença de contrações não inibidas a partir de 50 mL, e complacência diminuída. Qual é conduta MAIS correta para esse caso?
Um menino com síndrome de Down está com 8 meses de idade e tem história de obstipação desde o nascimento. Nunca recebeu aleitamento materno. O médico solicita o exame de enema baritado, onde observa-se zona de transição. O diagnóstico mais provável é:
Acerca das patologias benignas do trato reprodutivo feminino, assinale a opção correta.
O achado anatômico mais comum em uma criança com atresia de esôfago é:
Compartilhar