Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Dos exames abaixo qual não tem necessidade de ser solicitado no pré-natal por falta de estratégia:

A
Sorologia Hepatite B
B
Sorologia para Sífilis
C
Urina-Tipo I
D
IgG-IgM Citomegalovirus
E
Sorologia para HIV
Homem, 28 anos, história de febre vespertina, esplenomegalia, derrame pleural no lado esquerdo, artrite de cotovelo esquerdo e punho direito, com início há 45 dias. Exames apontam leucocitose de 25.000; V.H.S. = 75 mm. Látex e FAN (fator antinuclear) negativos. O paciente fez tratamento com ceftriaxona e ciprofloxacina, sem melhora do seu quadro febril. Não apresentou história prévia de diarreia ou infecção urogenital. O melhor diagnóstico desse paciente é:
O retalho que respeita uma proporção entre o comprimento e a largura a fim de evitar a necrose de sua parte mais distal é chamado:
Uma paciente de 44 anos encontra-se com quadro de dor abdominal em hipocôndrio direito, associada a náusea e vômitos há 24 horas. Ao exame físico, tem dor à palpação em andar superior do abdome, principalmente à direita, com sinal de Murphy positivo. Nesta situação, o exame com maior sensibilidade para confirmação diagnóstica é:
Menina de oito anos apresenta “rash” em face após exposição ao sol, artrite em joelhos e fraqueza muscular proximal há uma semana. Há três dias, passou a apresentar mancha violácea em torno dos olhos. O diagnóstico mais provável desta menina é:
Compartilhar