Questões na prática

Clínica Médica

Neurologia

Reumatologia

Durante consulta ambulatorial, um homem de 40 anos de idade relatou episódios recorrentes de dor intensa na região periorbitária direita, associados a hiperemia conjuntival, lacrimejamento, rinorreia e ptose palpebral que também ocorrem no lado direito; esses eventos têm duração de uma hora (dois episódios diários, geralmente noturnos e que acordam o paciente). Ele informou também que fica até duas semanas sem cefaleia. No exame clínico, constataram-se ptose palpebral, miose e ausência de sudorese na hemiface direita. Considerando as informações acima, julgue o item que se segue. A principal hipótese diagnóstica é cefaleia por arterite temporal (de células gigantes).

A
CERTO
B
ERRADO
Paciente mergulhou em águas rasas há 2 horas. Chega à emergência consciente e orientado. Radiograma cervical em perfil mostra luxação total de C6 sobre C7. Assinale a alternativa que corresponde ao seu exame físico:
Um senhor de 72 anos, usa regularmente várias medicações diariamente. As drogas são usadas para tratar dores articulares, hipertensão arterial, diabete mellitus, constipação intestinal e insônia. Nos últimos dias, o paciente aumentou por conta própria o benzodiazepínico usado para a insônia. Há quatro dias, os familiares notaram que ele mudou bruscamente o seu comportamento, tendo atitudes não usuais, como manifestar agressividade, alternadas com período de apatia, despindo-se na frente dos familiares, falando palavrões de baixo calão e recusando alimentação. Os familiares resolveram suspender a medicação e levaram o paciente ao seu médico de família. Na consulta, o paciente já estava bem melhor, praticamente voltando ao seu comportamento usual. Diante deste quadro, qual o diagnóstico inicial mais provável?
Mulher de 55 anos, etilista de longa data, é admitida na enfermaria da clínica médica com diagnóstico de pneumonia lobar. A paciente apresentou melhora após 36 horas de internação, basicamente com hidratação adequada e antibioticoterapia parenteral. Porém, evoluiu com importante agitação, confusão mental, dor torácica e alucinações caracterizadas por cobras e aranhas rastejando pelas paredes e balões amarrados na sua cabeceira. Ao exame físico: PA de 170 x 100 mmHg; pulso de 140 bpm e sudorese importante. Isso considerado, a paciente deve ser tratada com:
Marque a alternativa INCORRETA.
Compartilhar