Questões na prática

Clínica Médica

Pneumologia

Neurologia

Durante consulta ambulatorial, um homem de 40 anos de idade relatou episódios recorrentes de dor intensa na região periorbitária direita, associados a hiperemia conjutival, lacrimejamento, rinorreia e ptose palpebral que também ocorrem no lado direito; esses eventos têm duração de uma hora (dois episódios diários, geralmente noturnos e que acordam o paciente). Ele informou também que fica até duas semanas sem cefaleia.No exame clínico, constataram-se ptose palpebral, miose e ausência de sudorese na hemiface direita. Considerando as informações acima, julgue o item que se segue. As manifestações observadas no exame clínico desse paciente permitem o diagnóstico da síndrome de Horner.

A
CERTO
B
ERRADO
RN, 4 dias de vida, veio para consulta ambulatorial 48 horas após alta hospitalar para reavaliação. Antecedentes: gestação sem intercorrências, parto normal a termo, Apgar: 8/9, peso: 3100 gramas, apresentou dificuldade para sugar ao seio e perda ponderal de 9% nas primeiras 24 horas. Tipagem sanguínea do recém-nascido: A Rh positivo. A avaliação de bilirrubina total nesta consulta foi de 23 mg/dl com 1 mg/dl de bilirrubina direta. Foi colocado em fototerapia de alta intensidade e o controle após 6 horas mostrou queda dos níveis de bilirrubina total para 19 mg/dl. A CONDUTA É:
Recém-nascido com 2 horas de vida apresentou convulsões. Trata-se de um recém-nascido a termo, adequado para a idade gestacional, com respiração espontânea ao nascer e Apgar no 1.º minuto de 7 e no 5.º minuto de 8, cuja mãe recebeu fenitoína durante a gestação. A hipótese diagnóstica mais provável para explicar as convulsões é
São considerados critérios para internação de pacientes queimados, queimaduras de:
A formação de varizes de esôfago e a ocorrência de sangramento varicoso em pacientes portadores de cirrose na forma sinusoidal e pós-sinusoidal estão relacionadas, respectivamente, a valores do gradiente de pressão porta a partir de:
Compartilhar