Questões na prática

Clínica Médica

Neurologia

Reumatologia

Durante consulta ambulatorial, um homem de 40 anos de idade relatou episódios recorrentes de dor intensa na região periorbitária direita, associados a hiperemia conjuntival, lacrimejamento, rinorreia e ptose palpebral que também ocorrem no lado direito; esses eventos têm duração de uma hora (dois episódios diários, geralmente noturnos e que acordam o paciente). Ele informou também que fica até duas semanas sem cefaleia. No exame clínico, constataram-se ptose palpebral, miose e ausência de sudorese na hemiface direita. Considerando as informações acima, julgue o item que se segue. A principal hipótese diagnóstica é cefaleia por arterite temporal (de células gigantes).

A
CERTO
B
ERRADO
Nas novas diretrizes da reanimação cardiorrespiratória da criança (2015) podemos afirmar que:
Lactente masculino de um ano e dois meses de idade foi atendido no pronto-socorro com história de quadro gripal há uma semana. Segundo a mãe, desde a madrugada, a criança está chorando muito e levando as mãos até as orelhas com bastante frequência. À otoscopia: OD (membrana timpânica abaulada e hiperemia) e OE (otorreia). Assinale a alternativa quanto à conduta que deve ser adotada, segundo o Consenso da Sociedade Brasileira de Pediatria.
Lactente de cinco meses, portador de tetralogia de Fallot, apresenta ao acordar, quadro de agitação, choro inconsolável, taquipneia ecianose intensa e progressiva, evoluindo com síncope. Durante estas ''crises'', a conduta terapêutica tem como principal objetivo:
Em relação à profilaxia do tétano em ferimentos cutâneos, marque a alternativa CORRETA:
Compartilhar