Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Durante o pré-natal do último filho, em paciente puérpera de 3 filhos, foi detectado que ela era portadora do vírus da Imunodeficiência humana tipo 1 (HIV-1) e do vírus da hepatite B. Apresenta carga viral do HIV-1 de 750cópias/mm3 e contagem de CD4 de 628cel/mL. Quanto ao manejo desta paciente, é recomendado:

A
alojamento conjunto; inibição da lactação.
B
alojamento conjunto; liberação para amamentar.
C
isolamento; liberação para amamentar.
D
isolamento; inibição da lactação.
Paciente de 25 anos apresentou quadro compatível com cólica renal à direita, tendo sido encaminhado à emergência. Os exames mostraram cálculo de 4 mm localizado no ureter distal e leve hidronefrose. A avaliação laboratorial não revelou anormalidades. A dor em cólica aliviou de maneira substancial após analgesia intravenosa. Considerando as opções abaixo, qual a mais indicada para o manejo inicial?
Paciente, 42 anos de idade, sexo masculino, foi internado para tratamento cirúrgico eletivo de hérnia inguinal à direita, com dois anos de evolução. Durante o ato operatório, após abertura do saco herniário em hérnia tipo Nyhus IIIB, identificou-se segmento ileal no respectivo interior, com divertículo de Meckel de base larga, sem evidentes sinais de inflamação, o qual foi tratado conservadoramente, por meio de redução para a cavidade peritoneal. Com base nas informações apresentadas e no caso clínico, o epônimo de hérnia especial descrita é hérnia:
Paciente com dor abdominal, hiporexia e astenia comparece ao consultório para avaliação. Ela nega doenças pregressas e relata apenas o uso de anticoncepcional. Quanto ao caso clínico apresentado, e considerando a hipótese diagnóstica de tumor hepático, é CORRETO afirmar que o tumor:
Menino de 4 anos de idade vem em consulta com aparecimento de massa abdominal. Seus pais notaram que ele tem sido cada vez mais letárgico ao longo das últimas semanas. Referem palidez e que recentemente começou a tomar longos cochilos à tarde. Seu apetite tem sido pobre e ele perdeu 2 quilos nos últimos 2 meses. Ao exame físico, a criança é magra e descorada. Ausculta pulmonar clara com igualdade de sons de respiração. Seus batimentos cardíacos estão normais. Durante avaliação abdominal identificada grande massa sob a margem costal esquerda que é firme e imóvel. O diagnóstico mais provável é:
Compartilhar