Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Durante o pré-natal do último filho, em paciente puérpera de 3 filhos, foi detectado que ela era portadora do vírus da Imunodeficiência humana tipo 1 (HIV-1) e do vírus da hepatite B. Apresenta carga viral do HIV-1 de 750cópias/mm3 e contagem de CD4 de 628cel/mL. Quanto ao manejo desta paciente, é recomendado:

A
alojamento conjunto; inibição da lactação.
B
alojamento conjunto; liberação para amamentar.
C
isolamento; liberação para amamentar.
D
isolamento; inibição da lactação.
Paciente de 65 anos, tabagista (30 cigarros/dia) desde os 20 anos, veio a consulta urológica por hematúria macroscópica assintomática com início há 10 dias. O exame de urina apresentava número elevado de eritrócitos (mais de 100/campo) e ausência de leucócitos no sedimento urinário. A urocultura foi negativa, e os exames de função renal estavam normais. O exame digital da glândula prostática foi normal, e a dosagem do antígeno prostático específico revelou 1ng/ml. A ultrassonografia abdominal demonstrou lesão vegetante de, aproximadamente, 3 cm no trígono vesical. Com base nestes dados, qual a conduta inicial mais adequada?
Assinalar a alternativa em que todas as informações podem ser obtidas quando da realização da manobra de Leopold-Zweifel.
Segundo a Conferência do Congresso de Consenso Euro-Americana, além de hipoxemia, são critérios necessários para o diagnóstico da Síndrome de Desconforto Respirático Agudo (SDRA): I - presença de opacidades alveolares bilaterais na radiografia de tórax. II - afastar causas cardiogênicas de edema pulmonar. III - presença de pressão positiva no final da expiração maior que 10.
São fatores de risco para placenta prévia, exceto:
Compartilhar