Questões na prática

Clínica Médica

Pediatria

Infectologia

Pediatria Geral

Durante o seu trabalho na unidade básica de saúde, você é contatado de emergência em virtude de um acidente: uma mulher de 35 anos acaba de ser atacada por um cão da raça pitbull, que resultou em mordeduras profundas nas mãos e antebraços. As pessoas que vieram ao seu socorro conseguiram conter o animal com pauladas. Desde então, o animal está desaparecido. No atendimento, você constata várias lesões inciso-contusas nas mãos e antebraços, algumas delas ultrapassando o tecido celular subcutâneo, bem próximas aos tendões das mãos e à articulação do cotovelo. O dono do pitbull, intimado a prestar esclarecimentos, alega que o cão é saudável, bem cuidado e vacinado anualmente contra a raiva. Ao avaliar a mulher, além da vacinação básica, a última dose de vacina antitetânica relatada foi aos 14 anos. Além de cuidados adequados com os ferimentos, a conduta mais adequada em relação ao caso seria (raiva humana/tétano/infecção secundária à mordedura):

A
Vacina vero 2 doses (0,3 dias após o acidente) e imunoglobulina antirrábica/três doses (0,1 e 2 meses após o acidente) da vacina dT/acompanhamento clínico após cinco dias.
B
Vacina vero 5 doses (0, 3, 7, 14 e 21 dias após o acidente), imunoglobulina antirrábica/uma dose de reforço da vacina dT e imunoglobulina antitetânica/amoxacilina + clavulanato durante cinco dias.
C
Vacina vero 2 doses (0,3 dias após o acidente), imunoglobulina antirrábica/três doses (0,1 e 2 meses após o acidente) da vacina dT/acompanhamento clínico após cinco dias.
D
Vacina vero 5 doses (0, 3, 7, 14 e 21 dias após o acidente), imunoglobulina antirrábica / uma dose de reforço da vacina dT/amoxacilina + clavulanato durante cinco dias.
E
Vacina vero 5 doses (0, 3, 7, 14 e 21 dias após o acidente)/uma dose de reforço da vacina dT e imunoglobulina antitetânica/penicilina G benzatina 1.200.000 UI dose única.
Uma paciente de 51 anos, com antecedentes de fibrilação atrial crônica, foi submetida à ressecção segmentar de delgado, com reconstrução primária do trânsito, por isquemia decorrente de embolia arterial. No 4º pós-operatório, ainda internada na unidade de terapia intensiva, necessita de drogas vasoativas para suporte hemodinâmico. Constitui contraindicação para administração de suporte nutricional por via enteral:
A respeito da infecção de urina e de vias urinárias, é correto afirmar:
Paciente masculino, 60 anos, diabético há 20 anos. Avaliado por você no PSF, porque se mudou para Itajaí por ser um local de clima ameno e livre de desastres naturais. Traz exames que realizou 1 ano atrás: (creatinina: 1,0 mg%, Parcial de Urina normal, Proteinúria de 24 horas: 140 mg/24h, Hemograma normal, colesterol e triglicerídeos altos e glicemia de jejum 150 mg%). No exame físico, você observa PA 180/110 mmHg, edema ++/4 em Membros Inferiores (MMII) e sopro na ausculta do abdome e flanco direito. Os pulsos em MMII estão diminuídos à direita. Os exames que você pediu mostram: creatinina: 2,3 mg%, Parcial de Urina normal, Hemograma com Hematócrito: 33% Leucograma normal. O paciente faz uso de captopril, hidroclorotiazida, e medicação para dislipidemia. Usa AAS por indicação do seu cardiologista. Em relação ao relato acima, qual a alternativa mais correta:
Assinale a INCORRETA, sobre a investigação de icterícia:
Compartilhar