Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Durante plantão obstétrico, primigesta com idade gestacional cronológica de 39 semanas e 3 dias, idade ecográfica de 38 semanas +/- 1 semana, refere perda de líquido via vaginal há 6 horas. O exame especular não confirmou o diagnóstico de amniorrexe prematura. Em relação à confirmação diagnóstica, assinale a alternativa correta.

A
No teste do fenol vermelho, deixa-se um tampão vaginal por algum tempo na vagina, e após se instilarem algumas gotas do reagente nesse tampão, ele fica roxo.
B
Avaliação direta do pH não é um bom método, pois a sensibilidade, a especificidade e os valores preditivos positivos e negativos são muito baixos.
C
A presença de sangue não está associada à taxa de falso positivo com o teste do papel de Nitrazina e com o teste de fenol vermelho.
D
Teste do papel de nitrazina apresenta coloração azul quando em pH alcalino.
E
O líquido seminal não altera o teste da nitrazina.
Quanto ao tratamento da angina instável e do infarto agudo do miocárdio sem supradesnivelamento do segmento ST, é CORRETO afirmar:
O tromboembolismo pulmonar (TEP) agudo é situação clínica comum associada à alta morbidade e mortalidade, quando o tratamento não é instituído de forma adequada. Como a sua apresentação clínica é variável, estima-se que 50% dos casos de TEP agudo não são diagnosticados; portanto, é fundamental identificar os doentes em risco, seguir investigação diagnóstica e iniciar o tratamento recomendado. Dado esse contexto, assinale a alternativa INCORRETA:
Presença de hipercelularidade mesangial e endotelial, infiltrado glomerular polimorfonuclear, depósitos imunes, granulares, subendoteliais de IgG, IgM, C3 e depósitos subepiteliais em forma de corcovas (humps) caracterizam anatomopatologicamente a:
Paciente de 80 anos, com arterioesclerose generalizada, interna com quadro de insuficiência renal aguda (IRA), 4 dias após realização de aortografia. Ao exame físico, notava-se livedo reticularis em membros inferiores, dedos dos pés azulados, hipocomplementenemia e eosinofilúria. O diagnóstico mais provável é:
Compartilhar