Questões na prática

Pediatria

Oftalmologia

Durante uma consulta de puericultura, você observa um estrabismo convergente permanente no olho esquerdo de uma criança hígida de 10 meses de idade. Não há outras anormalidades ao exame físico. O peso, comprimento e o desenvolvimento neuropsicomotor estão adequados. A melhor conduta para este caso é:

A
encaminhar a criança sem demora para o oftalmologista pelo risco de desenvolvimento de ambliopia.
B
encaminhar a criança sem demora para o oftalmologista pelo risco de desenvolvimento de diplopia.
C
conduta expectante, pois a quase totalidade dos estrabismos convergentes resolvem-se espontaneamente até o final do 2° ano de vida.
D
conduta expectante, pois a quase totalidade dos estrabismos convergentes resolvem-se espontaneamente até o final do 5° ano de vida.
Paciente de 50 anos vem apresentando quadro infeccioso e necrotizante em região genital e perineal, com grave quadro toxêmico há 48 horas. Assinale a alternativa incorreta.
Em relação à utilização das drogas inibidoras da enzima de conversão da angiotensina I (Inibidores da ECA), é INCORRETO afirmar que:
As vulvovaginites inespecíficas da infância têm como causa vários fatores, EXCETO:
Paciente de 30 anos, feminina, queixa-se de dor abdominal em cólica e períodos de diarreia alternando-se com obstipação há 3 anos. Os sintomas são intermitentes com períodos variáveis de remissão. O exame físico, hemograma, proteína total e frações e VHS sem anormalidades. O diagnóstico mais provável para o caso é:
Compartilhar