Questões na prática

Clínica Médica

Endocrinologia

Infectologia

Neurologia

Nefrologia

Durante uma visita domiciliar, você se depara com um caso de acidente com animal peçonhento. Como o tratamento baseia-se em soroterapia específica, é fundamental a identificação do animal agressor, seja por seu reconhecimento direto, seja por meio de um quadro clínico, uma vez que as características fisiopatogênicas das peçonhas de ofídios do mesmo gênero são semelhantes. Dentro do processo de caracterização etiológica dos acidentes ofídios, os sinais e sintomas de aparecimento precoce esperados são:

A
Dor imediata, edema e rubor locais, bradicardia e diarreia nos acidentes por serpentes do gênero Lachesis.
B
Dor imediata, edema e rubor locais (com choque nos casos graves) nos acidentes por serpentes do gênero Crotalus.
C
Dor imediata intensa, sinais locais discretos e hemoglobinúria nos acidentes por serpentes do gênero Latrodectus.
D
Ptose palpebral bilateral (fácies miastênica), oftalmoplegia e paralisia velopalatina nos acidentes por serpentes do gênero Bothrops.
E
Aumento do tempo de coagulação, insuficiência renal aguda e hemorragias nos acidentes por serpentes do gênero Micrurus.
Em relação ao hirsutismo idiopático, assinale a assertiva correta.
Paciente com síndrome do túnel do carpo, distúrbio osteomuscular relacionado ao trabalho, costuma apresentar:
A vacina antipneumocócica está indicada em adultos que:
Paciente, três anos de idade, é levado à consulta com história de obstrução nasal há mais de 20 dias, eliminando secreção amarelada e fétida, acompanha anorexia, irritabilidade e febre. O estado geral é bom, nota-se conjuntivite purulenta à esquerda. O diagnóstico mais provável é:
Compartilhar