Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Nefrologia

Em qual das alternativas abaixo encontra-se uma situação clínica em que se faz necessário o tratamento da bacteriúria assintomática?

A
Homem de 77 anos, diabético.
B
Mulher de 24 anos, portadora de comunicação interatrial (CIA).
C
Mulher de 37 anos, que irá se submeter a uma histerectomia.
D
Homem de 84 anos, em bloqueio hormonal por câncer de próstata.
A Síndrome compartimental em MID após reperfusão sanguínea na oclusão arterial aguda de ser primeiramente tratado com:
Com relação aos pólipos colorretais, assinale a alternativa incorreta:
Entre as afirmações abaixo: I. A não drenagem do líquido pleural infectado, em casos de pneumonias e empiemas, geralmente não interfere na eficácia de uma antibioticoterapia corretamente indicada. II. É imprescindível a remoção de dispositivo intravascular em casos de bacteriemia por Staphylococcus aureus em pacientes febrís e com hemocultura positiva. III. As complicações respiratórias do sarampo devem sempre ser tratadas com antimicrobianos, sendo recomendada a penicilina em dose única de 1.200.000 unidades. IV. O uso clínico de combinações de agentes antimicrobianos pode ser justificado para prevenir o aparecimento de resistência bacteriana. V. A meningite por Neisseria meningitidis em indivíduos que tiveram estreito contato com um caso, pode ser prevenida com o uso de rifampicina.
Paciente relata que após 18 horas do parto, a filha passou a apresentar icterícia na face e ao exame após 24 horas foi confirmado icterícia em face e tronco. A mãe é primigesta e não apresentou intercorrências durante a gestação. Recém-nascido de parto normal, com idade gestacional = 39 semanas, peso = 3200 g, choro forte, internado no alojamento conjunto com a mãe e recebendo leite materno sob livre demanda. Tipagem sanguínea da mãe O, Rh positivo e teste de Coombs indireto negativo. Recém-nascido sugando bem ao seio materno, sem outras alteraçãoes. Qual o provável diagnóstico e a conduta sequencial mais adequada:
Compartilhar