Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Em qual das situações abaixo você NÃO indicaria a sigmoidectomia em pacientes com doença diverticular?

A
Após três episódios de diverticulite aguda em paciente de 52 anos.
B
Após um episódio bem documentado de diverticulite aguda em paciente de 36 anos.
C
Durante diverticulite aguda com perfuração e abscesso.
D
Após o primeiro episódio de diverticulite aguda em paciente de 85 anos.
E
Durante episódio de diverticulite aguda não responsiva ao tratamento com antibiótico.
A síndrome de Claude Bernard-Horner é caracterizada pelos seguintes aspectos, EXCETO:
Paciente masculino, 40 anos, previamente hígido, em atendimento emergencial por cefaleia, recebe infusão endovenosa de dipirona. Logo após a infusão da medicação refere náusea, seguida de dispneia e tontura. Ao exame apresenta-se taquicárdico, com sudorese fria e hipotensão. Sequencialmente apresenta piora do nível de consciência e choque. Sobre o diagnóstico e a terapêutica inicial (imediata) para esse caso, assinale a alternativa correta.
Mulher de 25 anos, em consulta num posto de saúde, apresenta há 1 ano episódios frequentes de cefaleia hemicraniana esquerda de forte intensidade, com duração de até 24 horas. As crises ocorrem 4 a 5 vezes por mês, são acompanhadas de náusea, pioram em ambientes barulhentos e não respondem ao uso de paracetamol. O médico que a examinou prescreveu dois medicamentos: o primeiro, de uso diário, para prevenir as crises de cefaleia e o segundo, para ser usado somente quando houver dor. Dentre os abaixo, os medicamentos adequados são, respectivamente:
Escolar de 7 anos é levado ao Posto de Saúde por sua tia porque ela detectou que o menino tinha dificuldade de alfabetização. A avaliação clínica e laboratorial básica inicial não mostrou anormalidades. O neuropediatra não detectou qualquer sinal de doença neurológica. O EEG foi normal. Qual das alternativas abaixo apresenta o próximo passo mais adequado?
Compartilhar