Questões na prática

Clínica Médica

Reumatologia

Em relação à artrite reumatoide, assinale a alternativa INCORRETA:

A
O anticorpo anti CCP é altamente especifico para essa doença.
B
A droga padrão ouro no seu tratamento é o metotrexate.
C
O tratamento modificador de doença deve ser iniciado o mais rapidamente possível para que se evitem as sequelas articulares.
D
Pacientes com artrite reumatoide sofrem de aterogênese acelerada e têm uma taxa mais alta de infartos do miocárdio que a população geral.
E
A forma mais comum de acometimento do aparelho respiratório nessa doença é a presença de nódulos pulmonares assintomáticos.
Menino de 2 anos previamente hígido, foi trazido à emergência pediátrica por apresentar uma crise convulsiva tônico-clônica generalizada em vigência de febre. Quando chegou, não estava mais convulsionando. A mãe refere que o filho estava com quadro de IVAS e com febre há 1 dia. Na história familiar, o pai teve episódio de crise convulsiva febril na infância. Em relação à conduta a ser seguida, avalie as seguintes assertivas: I - Administrar antitérmico e tranquilizar a mãe quanto à evolução benigna do caso. II - Administrar Diazepan via retal para evitar novas crises. III - Manter o paciente em observação por 24 horas e solicitar eletroencefalograma. Quais estão CORRETAS?
Mulher de 68 anos de idade, professora aposentada, iniciou declínio de memória, sobretudo para fatos recentes e desorientação espacial. Esses sintomas se instalaram de forma insidiosa e foram lentamente progredindo. Alterações de linguagem, distúrbios de planejamento (funções executivas) e de habilidades visuoespaciais surgiram com a evolução do quadro há 18 meses. A paciente sempre foi considerada saudável e não apresentava comorbidades. Após avaliação neurológica, foram solicitados exames laboratoriais, ressonância magnética do crânio e avaliação neuropsicológica, sendo diagnosticada como tendo demência primária cortical e medicada com um inibidor da acetilcolinesterase. Qual foi o provável diagnóstico clínico?
Uma mulher de 50 anos, procedente de Manaus, chega ao Pronto-Socorro relatando hematêmese e melena, iniciada 1 hora antes da admissão. No exame físico realizado em decúbito dorsal, não se verifica sinais de hepatopatia crônica, mas se encontra hipocorada, orientada e discretamente pálida FC 110 bpm PA 110 x 70 mmHg. Sobre o caso, marque a alternativa verdadeira:
A epilepsia parcial benigna é um tipo comum de epilepsia parcial na infância, com excelente prognóstico, com pico de incidência entre os 9 e 10 anos de idade, ocorrendo durante o sono em 75% dos pacientes que apresentam crises parciais com sinas motores e somatossensoriais confinados à face. O padrão do EEG apresenta focos de ponta repetidas na área centrotemporal ou rolândica com a atividade da base normal. A droga preferida para o controle dessas crises é:
Compartilhar