Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Em relação à Doença do Refluxo Gastroesofágico (DRGE), assinale a alternativa correta.

A
A Endoscopia Digestiva Alta (EDA) pode não apresentar alterações em até 50% dos casos, situação em que está indicada a realização de pHmetria esofageana prolongada, exame que tem maior sensibilidade no diagnóstico da DRGE.
B
Os pacientes que não apresentam nenhuma melhora após o tratamento com inibidores de bomba de prótons nas doses habituais são os quem tem melhor resposta ao tratamento cirúrgico.
C
A identificação à EDA de Esôfago de Barret é indicação absoluta de tratamento cirúrgico.
D
O esôfago de Barret que evoluiu com transformação maligna (adenocardinoma) deve ser tratado por válvula anti-refluxo e cardioplastia, por videolaparoscopia ou técnica convencional.
E
A manometria esofageana não tem importância na decisão sobre o tratamento cirúrgico ou na escolha da técnica a ser adotada.
O achado anatômico mais comum em uma criança com atresia de esôfago é:
Criança de um ano de idade apresenta choro intermitente, acompanhado de palidez, sudorese fria e vômito. Exame físico demonstra desidratação, massa palpável em hipocôndrio direito e sinal de Dance positivo. O diagnóstico provável é:
Considerando as afecções cirúrgicas, relacione a COLUNA II com a COLUNA I, associando a doença a seu respectivo tratamento. COLUNA I: 1. Lábio leporino; 2. Hérnia inguinal; 3. Hidrocele; 4. Epispádia. COLUNA II: ( ) Operada logo após o diagnóstico; ( ) Operada após um ano de idade; ( ) Operada por volta dos 3 anos de idade; ( ) Operada por volta do 3° mês de vida. Assinale a sequência CORRETA.
Paciente, 18 anos, sexo masculino, procura atendimento médico pois há 48 horas iniciou com quadro de dor discreta em região epigástrica acompanhado de enjoo. Há 24 horas refere dor localizada em fossa ilíaca direita seguido de um episódio de vômito e um pico febril de 38,5 graus. No exame físico, apresentava dor à palpação da fossa ilíaca direita com descompressão brusca dolorosa. Apresentava ainda sinal de Rovsing positivo. Nos exames laboratoriais foi evidenciado leucocitose de 18.000/ml e leucocitúria discreta. Sobre o caso descrito, qual a alternativa correta?
Compartilhar