Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Ginecologia

Em relação à endometriose, está correto afirmar que: I. a dosagem de CA 125 acima de 100 UI/ml ocorre nos casos de endometriose profunda. II. a ressonância Magnética Nuclear é útil para diagnosticar doença ovariana e doença profunda. III. a laparoscopia é o procedimento que fecha o diagnóstico e proporciona tratamento cirúrgico do processo.

A
Apenas I
B
Apenas III
C
Apenas I e III
D
Apenas II e III
E
I, II e III estão corretas
Casal em seguimento no ambulatório de infertilidade apresenta os seguintes resultados dos exames complementares: ultrassonografia transvaginal sem anormalidades, histerossalpingografia com prova de Cotte positiva, dosagem hormonal da mulher sem anormalidades e espermograma não realizado. Frente ao caso devemos:
Paciente de 35 anos, faz colpocitologia oncótica de rotina cujo resultado foi infecção por HPV com NIC III.Foi encaminhada para o ambulatório de patologia cervical para colposcopia que se mostrou insatisfatória (não foi possível delimitar toda a lesão). A conduta neste caso é:
Paciente de 45 anos procura o atendimento de urgência se queixando de dor abdominal de forte intensidade, localizada em baixo ventre. Refere vida sexual ativa com fluxos menstruais irregulares. Não faz uso de métodos anticoncepcionais. GV PIV CI (para laqueadura tubária). Ao exame: corada, hidratada, acianótica, apirética. FC: 120 bpm, PA: 90x50mmHg. Abdome: plano, flácido, doloroso palpação profunda em hipogástrio, peristalse presente. Toque: presença de tumoração pediculada no canal vaginal, dolorosa à mobilização, presença de sangramento de grande quantidade, fundo de saco posterior e anterior indolores. Frente ao caso clínico podemos afirmar que:
Homem de 29 anos de idade, agricultor, admitido no HCTCO com cefaleia, prostração, mal-estar, febre, calafrios, náuseas, mialgias intensas nas panturrilhas há 4 dias. Evoluiu há 2 dias com diminuição do volume urinário e icterícia. Informa a ocorrência de uma enchente no seu bairro uma semana antes do inicio dos sintomas. Ao exame físico apresentava-se T. axilar de 39°, icterícia rubínica (3+/4+), sufusões hemorrágicas nas conjuntivas e petéquias nos membros superiores. Baseado na hipótese diagnóstica mais provável dos exames laboratoriais abaixo, qual NÃO seria o achado esperado?
Compartilhar