Questões na prática

Pediatria

Pediatria Geral

Em relação à recomendação quanto à suplementação de ferro para lactentes, é correto afirmar:

A
Lactentes nascidos a termo, de peso adequado para idade gestacional, a partir do 6º mês de vida, não necessitam de suplementação de ferro se estiverem ingerindo no mínimo 500 ml de fórmula infantil por dia.
B
Prematuros maiores que 1.500 g e recém-nascidos de baixo peso, a partir do nascimento, deverão receber 2 mg de ferro elementar/kg/dia até o 2º ano de vida.
C
Lactentes nascidos a termo, de peso adequado para idade gestacional, com menos de 6 meses de vida, recebendo leite materno complementado com fórmula infantil, deverão fazer uso de ferro profilático na dose de 1 mg de ferro alimentar/kg/dia.
D
Lactentes nascidos a termo, de peso adequado para idade gestacional, em aleitamento materno exclusivo até os 6 meses deverão receber 1 mg de ferro elementar/kg/dia a partir do 4º mês de vida.
E
Prematuros maiores que 1.500 g e recém-nascidos de baixo peso, a partir do nascimento, deverão receber 1 mg de ferro elementar/kg/dia até o 1º ano de vida.
São sinais de perigo ou gravidade nas pneumonias adquiridas na comunidade:
Lactente nasceu bem, com cianose leve, piorando de modo progressivo, taquipneia, cansaço às mamadas, gemência. É a mais comum das cardiopatias congênitas:
Um paciente do sexo masculino, de 5 anos, chega claudicando no pronto-socorro com uma história de dor em quadril esquerdo que se irradia para o joelho esquerdo há 2 dias. Mãe relata quadro de faringite viral duas semanas antes que se resolveu sem medicação. Ao exame físico, apresenta-se com o quadril esquerdo abduzido e flexionado, com dor à movimentação passiva. A velocidade de hemossedimentação é de 28 mm/h. O diagnóstico mais provável é:
Quando um paciente vítima de colisão de veículo apresenta o membro inferior encurtado, quadril em flexão, adução e rotação interna, devemos suspeitar de:
Compartilhar