Questões na prática

Clínica Médica

Nefrologia

Em relação à síndrome nefrótica, considere as assertivas abaixo quanto a sua veracidade: I- é caracterizada por edema, proteinúria acima de 3,0 g/dia, hipoalbuminemia e hipercolesterolemia. Nos casos severos, há um estado de hipercoagulabilidade que pode levar a trombose venosa profunda. II- o surgimento de edema é insidioso e, na avaliação do sedimento urinário, é comum o aumento do número de células (leucócitos e eritrócitos). III- a causa mais comum na infância é a glomerunefrite por lesões mínimas. Está indicado o tratamento inicial com corticoesteroide, sendo a biópsia renal indicada somente para os que não respondem ao tratamento. Assinale a alternativa correta:

A
Apenas I.
B
Apenas II
C
Apenas III.
D
Apenas I e II.
E
Apenas I e III.
Sobre as distrofinopatias, assinale a alternativa INCORRETA.
Leia o caso clínico a seguir. Uma paciente de 25 anos, do sexo feminino, com diagnóstico prévio de migrânia com aura, apresentou piora das crises e se automedicou com sumatriptano em uso contínuo por 10 dias e, apesar da melhora da dor, a paciente evoluiu com parestesia seguida de hemiparesia esquerda de predomínio braquiofacial, hiper-reflexia, Hoffmann e Babinski à esquerda, sem alterações sensitivas ou da consciência e com coordenação preservada, sem rigidez de nuca e demais pares cranianos normais. Essa paciente é obesa e dislipidêmica, sem outras comorbidades. Com base nesses dados clínicos, o diagnóstico topográfico neurológico e a hipótese diagnóstica principal são, respectivamente:
Uma paciente do sexo feminino, com 22 anos, relata aparecimento de manchas avermelhadas em região malar há cinco meses, associadas à fotossensibilidade e poliartrite. Essa paciente encontra-se gestante de doze semanas. Nesse caso, qual o exame a ser solicitado para descarte de bloqueio cardíaco fetal?
No que se refere à associação entre situação clínica, agente etiológico e tratamento adequado,
Compartilhar