Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Pneumologia

Dermatologia

Dermatologia

Em relação ao diagnóstico da tuberculose, assinale a alternativa INCORRETA.

A
Nebulização com solução salina hipertônica auxilia o diagnóstico em pacientes com pouco escarro.
B
Os meios de cultura tradicionais (meios sólidos) levam de 3 a 6 semanas para resultar positivos.
C
Meios de cultura líquidos (Tipo Bactec) podem resultar positivos de 10 a 14 dias antes que os meios sólidos.
D
O achado do Mycobacterium tuberculosis é imprescindível para iniciar um tratamento de tuberculose pulmonar.
E
O PPD reator forte indica infecção e não necessariamente doença.
Mulher com 18 semanas de gestação veio à consulta pré-natal trazendo resultado de dosagem de glicemia de jejum de 128 mg/dl. Qual a conduta mais adequada?
Paciente do sexo feminino, 46 anos, deu entrada no PS com história de fadiga e aumento de volume abdominal há 3 meses, evoluindo há 1 dia com desconforto respiratório. Ao exame físico, apresentava-se com PA 90 x 60 mmHg, FC: 88 bpm. Descorada +/4+ e ictérica ++/4+. Lúcida, orientada e contactuante. Flapping ausente. Apresentava eritema nas palmas das mãos e aranhas vasculares em tórax. Ausculta pulmonar demonstrava MV+ bilateral sem ruídos adventícios, e a ausculta cardíaca não apresentava alterações significativas. Abdome com ascite tensa, espaço de Traube ocupado. Edema em MMII ++/4+. Exames laboratoriais de entrada mostravam: Hb: 10,0 g/dl; Ht: 30%; VCM 92; CHCM: 32; Leucócitos: 3200 (diferencial normal); plaquetas: 45000/ml; U: 25 mg/dl; Cr: 0,7 mg/dl; Glicemia: 92 mg/dl; AST: 62 UI/l; ALT 73 UI/l; Amilase: 32 UI/l, Gama-GT: 32 UI/l, Fosfatase alcalina: 120 UI/l, Bilirrubinas totais: 4,8 mg/dl; Bilirrubina direta: 3,5 mg/dl; Bilirrubina indireta: 1,3 mg/dl; TAP: 58%; Albumina: 2,9 g/dl. Raio-x de tórax é normal. Qual a causa mais provável da anemia desta paciente?
Paciente de 48 anos, em amenorreia há 8 meses, com dosagem de FSH de 47,39 mUI/ml, há 6 meses sente fortes ondas de calor em tronco e cabeça, piores à noite, acompanhadas por insônia e irritabilidade. Sobre os fogachos na menopausa está CORRETA a alternativa:
Criança, 5 anos de idade, há 1 semana apresenta palidez cutaneomucosa, hiporexia, fraqueza, equimoses e petéquias. Ao exame REG, palidez cutaneomucosa (++/++++) e adenopatia generalizada. Pele: presença de equimoses e petéquias em tronco e membros, FR = 24 ipm. FC = 120 bpm. Presença de sopro sistólico (+/+6). Fígado palpável a 3 cm do RCD e baço palpável a 4 cm do RCE. Hemograma: Hb = 7,5 g/dl, GB = 1000/dl, Plaquetas = 18.000/dl. Mielograma: relação L:E 8:1, com medula óssea tomada por blastos. Imunofenotipagem mostrou: positividade para CD19, e CD20 e CD10, sendo negativa para CD33, slg, cCD3 e CD7. RT-PCR mostrou presença de t(12;21). Com base no exposto, acima o diagnóstico é:
Compartilhar