Questões na prática

Clínica Médica

Hepatologia

Em relação aos pólipos da vesícula biliar, assinale a alternativa INCORRETA.

A
A incidência na população geral varia de 1,3% a 9,7%.
B
Os portadores de pólipo e colangite esclerosante apresentam maior risco de malignidade.
C
Pólipos com diâmetro maior do que 1 cm devem ser tratados com colecistectomia.
D
A presença de sintomas relacionados às vias biliares é indicação de colecistectomia.
E
Em portadores de pólipos com diâmetro menor do que 5 mm, deve-se realizar ultrassonografia anual.
Em relação às infecções de vias aéreas superiores (IVAS), marque verdadeiro (V) ou falso (F): ( ) Os expectorantes mucolíticos não estão indicados no tratamento da rinofaringite aguda ( ) As amigdalites virais costumam cursar com plena adenopatia cervical anterior e submandibular ( ) Nas crianças, até 5 anos de idade, quando fazem sinusite, o seio mais comprometido é o frontal; por este motivo geralmente a cefaleia frontal acompanha o quadro ( ) No tratamento da laringite, o corticoide auxilia na diminuição do edema, portanto é indicado em todos os casos ( ) A droga de escolha para o tratamento da otite média aguda supurativa é cefalosporina de terceira geração, pela gravidade do caso Marque a opçao que corresponde a sequencia CORRETA de cima para baixo:
O abdome agudo é uma das síndromes clínicas mais comuns encontradas na prática médica, sendo caracterizada como uma dor na região abdominal de origem não traumática, de aparecimento súbito e de intensidade variável, associada ou não a outros sintomas. Em relação à síndrome do abdome agudo inflamatório, assinale a alternativa incorreta:
Sobre a colangite (infecção bacteriana dos ductos biliares), é correto afirmar:
Qual o diagnóstico mais provável e qual o exame complementar mais indicado no seguinte caso: Adolescente do sexo feminino, com história de febre e dor articular há 1 semana. Usou sulfametoxazol-trimetropim por 5 dias para tratar uma faringite aguda há 1 mês. Ao exame físico apresenta-se em bom estado geral, temperatura axilar de 38,5ºC, frequência cardíaca de 124 bpm, frequência respiratória de 22 rpm. Exantema macular, não pruriginoso, com círculo eritematoso circundando a pele normal. Ausculta cardíaca com bulhas rítmicas, normofonéticas, ausência de sopros. Joelho e tornozelo esquerdos com aumento de temperatura, volume e dor à movimentação ativa e passiva.
Compartilhar