Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Em relação às manifestações extraintestinais articulares na doença inflamatória intestinal, é correto afirmar:

A
São o segundo tipo mais comum de manifestação extraintestinal, perdendo apenas para as cutâneas.
B
São mais comuns em homens que em mulheres.
C
Na doença de Crohn, os pacientes com comprometimento cólico estão em risco maior do que aqueles com doença isolada do delgado.
D
As artrites precisam ser confirmadas com a positividade do fator LE e anticorpo antinuclear.
E
Essas artropatias estão sempre associadas à atividade da doença.
Homem de 78 anos de idade em consulta de avaliação pré-operatória para estratificação do risco de complicações cardiológicas, referentes a uma cirurgia de retirada de um carcinoma espinocelular de face, com anestesia local. É portador de insuficiência cardíaca compensada e diabetes, também compensado. Ao exame clínico: íctus desviado para esquerda, sem outras alterações. O eletrocardiograma mostra alterações difusas da repolarização ventricular, a radiografia de tórax e os exames laboratoriais estão todos normais. Neste momento a conduta adequada é:
Nos ferimentos abdominais por arma branca, são condutas consideradas corretas, já na sala de emergência: I. Como é frequente haver epíplon ou mesmo alças exteriorizadas pelo ferimento, essas devem ser reduzidas para dentro da cavidade, e o ferimento suturado para evitar sangramentos. II. A arma branca, que eventualmente chega ao pronto-socorro, ainda introduzida no ferimento, deve ser prontamente removida, pois a mobilização para RX e centro cirúrgico pode produzir ampliação das lesões. III. Caso haja dúvida sobre a penetração em cavidade de um ferimento por arma branca, esse deve ser explorado sob técnica asséptica e anestesia local na sala de emergência e, se houver penetração em cavidade, deve-se encaminhar para laparotomia. Quais estão corretas?
Quais tipos de malformação são mais comumente encontradas quando da realização do exame ultrassonográfico morfológico fetal em torno de 20 a 24 semanas?
Paciente, sexo feminino, 47 anos, há 4 meses usando dapsona, clofazimina e rifampicina. Há 4 dias, refere piora das três lesões de pele no abdome e braço direito (hiperemiadas e bordas elevadas). A palpação da goteira epitrocleana direita é muito dolorosa. Qual a conduta mais adequada?
Compartilhar