Questões na prática

Clínica Médica

Ginecologia e Obstetrícia

Cardiologia

Nefrologia

Hepatologia

Entre todas as patologias que se manifestam ou se agravam no decorrer da gravidez, a hipertensão é a mais frequente e que se acompanha de maior morbimortalidade materna e perinatal. As alterações estruturais nos rins e fígado maternos podem ser comumente representadas respectivamente por:

A
Hiperplasia celular justaglomerular e esteatose hepática.
B
Hiperplasia endotelial capilar glomerular e hematoma subcapsular.
C
Endoteliose capilar glomerular e necrose hemorrágica focal.
D
Lesão da alça de Henle e Peri-hepatite.
Pré-escolar de três anos, com história de febre e tosse há três semanas, foi medicada com antibióticos sem melhora. Vacinada com BCG ao nascer e apresenta cicatriz. O irmão adolescente, que reside na mesma casa, está em tratamento para tuberculose. A radiografia de tórax mostra infiltrado em um lobo médio, a prova tuberculínica é não reatora e, na avaliação nutricional, há magreza acentuada. Diante deste quadro, considerando os critérios atuais de pontuação do controle de tuberculose no Brasil, o diagnóstico de tuberculose neste pré-escolar é:
Um paciente de 75 anos, cardiopata, vítima de atropelamento em via pública, é levado ao pronto-socorro em estado de choque, com palidez cutâneo mucosa, sudorese, baixa perfusão e FC de 98 bpm com PA de 90x60 mmHg. Reclama de muita dor abdominal e fica repetindo incessantemente que vai morrer. Frequência respiratória de 23 irpm com ausculta pulmonar normal bilateralmente. Com a infusão de 2000ml de Ringer lactato, sua pressão estabiliza com 100x70 mmHg com FC de 88 bpm. É realizado USG (FAST) nos três compartimentos e é detectado líquido em moderada quantidade no abdome e a tomografia de abdome evidencia uma lesão hepática grau III com moderada quantidade de líquido livre na cavidade. Qual deve ser a conduta frente a esta situação? Dez dias após o acidente, o paciente encontra-se com anemia grave e com descompensação cardíaca. O médico assistente decide corrigir a anemia. Qual ou quais os componentes sanguíneos são indicados?
São manifestações extra-colônicas da colite ulcerativa, exceto:
Paciente G4P1A3 (3 abortamentos espontâneos entre 6-8 semanas seguidos de parto vaginal de feto morto com 28 semanas por DPPNI) chega ao consultório para consulta pré-natal com diagnóstico de síndrome do anticorpo antifosfolípide. Qual a melhor conduta no caso?
Compartilhar