Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Feliciana tem 19 anos e reside no Rio de Janeiro. Em março deste ano, procurou atendimento médico queixando-se de febre, vômitos, mialgias, cefaleia e dor retro-orbitária. Apresentava exantema no tronco, sem outras alterações ao exame físico. Encontrava-se estável, com PA=120x80mmHg, sem manifestações hemorrágicas espontâneas. O médico que a assistiu realizou a pesquisa de hipotensão postural, que foi negativa, e a prova do laço. Esta última foi feita da seguinte maneira: com a paciente sentada, insuflou o manguito do esfigmomanômetro até 130mmHg, por cinco minutos. A seguir, desinsuflou o manguito e, num quadrado de 2,5cm por 2,5cm, contou trinta petéquias. A prova foi considerada positiva. O marido de Feliciana havia recebido diagnóstico recente de dengue. conduta indicada para Feliciana, neste momento, é:

A
expandir volemia vigorosamente com solução salina isotônica.
B
solicitar hematócrito e plaquetometria imediatamente.
C
realizar pesquisa de IgM e IgG séricas para dengue.
D
repetir a prova do laço feita de forma incorreta.
São complicações da tireoidectomia total: 1. hipocalcemia, lesão do nervo laríngeo-recorrente 2. hipercalcemia, lesão do nervo laríngeo-recorrente 3. sangramento, rouquidão Está (ão) correta(s):
A mamografia é considerada atualmente o único método de rastreamento precoce do câncer de mama. Qual o tempo que a mamografia pode antecipar o diagnóstico de uma lesão mamária antes se tornar palpável?
Qual das substâncias abaixo listadas usadas para tratar hirsutismo tem ação na enzima 5-alfa-redutase?
São características hemodinâmicas do choque cardiogênico:
Compartilhar