Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Feliciana tem 19 anos e reside no Rio de Janeiro. Em março deste ano, procurou atendimento médico queixando-se de febre, vômitos, mialgias, cefaleia e dor retro-orbitária. Apresentava exantema no tronco, sem outras alterações ao exame físico. Encontrava-se estável, com PA=120x80mmHg, sem manifestações hemorrágicas espontâneas. O médico que a assistiu realizou a pesquisa de hipotensão postural, que foi negativa, e a prova do laço. Esta última foi feita da seguinte maneira: com a paciente sentada, insuflou o manguito do esfigmomanômetro até 130mmHg, por cinco minutos. A seguir, desinsuflou o manguito e, num quadrado de 2,5cm por 2,5cm, contou trinta petéquias. A prova foi considerada positiva. O marido de Feliciana havia recebido diagnóstico recente de dengue. conduta indicada para Feliciana, neste momento, é:

A
expandir volemia vigorosamente com solução salina isotônica.
B
solicitar hematócrito e plaquetometria imediatamente.
C
realizar pesquisa de IgM e IgG séricas para dengue.
D
repetir a prova do laço feita de forma incorreta.
Leila, 39 anos, notou aumento da mama, com endurecimento focal, calor e rubor há 4 meses. Automedicou- se com pomadas, sem melhora. Há 2 semanas surgiram febre e ulceração em mama, com saída de secreção purulenta. A mamografia revela "classificação de Bi-rads IV". Foi ao médico com amiga e, por insistência dela. Leila relata que vem sendo acometida por “pensamentos desagradáveis’’ sobre sexualidade. Reconhece estes pensamentos como seus, eles a constrangem e a fazem se afastar das pessoas, e a única forma que encontrou para tentar se livrar da ansiedade que lhe provocam é lavando as mãos várias vezes ao dia. Com estas informações, a principal hipótese diagnóstica é:
Qual das doenças relacionadas abaixo, geralmente não está relacionada à AIDS?
Criança com 2 anos de idade apresenta febre persistente, linfonodomegalia e hepatoesplenomegalia. Hemograma demonstra anemia, leucopenia e plaquetopenia. Aspirado de medula óssea afastou a hipótese de leucemia. Foi então pensado em síndrome hemofagocítica. Para esse diagnóstico, espera-se encontrar:
Com relação ao Diabetes Mellitus Gestacional (DMG), assinale a INCORRETA:
Compartilhar