Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Pneumologia

Fumante de 60 anos dá entrada no pronto-socorro com quadro de febre, tosse produtiva e dispneia. O RX do tórax revela derrame pleural esquerdo, com infiltrado pneumônico subjacente. A análise do líquido pleural revela líquido turvo; proteína = 4,5 g/dl; LDH = 300 Ul/L; 3.000 leucócitos/mm³ sendo 90% PMN; glicose = 65 mg/dl; pH = 7,09. Das características do líquido pleural neste caso, a que indicaria necessidade de drenagem torácica fechada em selo d’água é o valor do (a):

A
pH.
B
LDH.
C
glicose.
D
proteína.
A inércia secundária pode acometer as fibras miometriais em qual das situações abaixo enumeradas?
Fabiana, 14 anos, veio acompanhada com a mãe à consulta com seu médico de família. Fabiana queixa-se de “espinhas” e muito preocupada, pois ainda “não ficou menstruada e todas as amigas já ficaram”. Ao examinar Fabiana, o médico avaliou de acordo com a classificação de Tanner, que Fabiana se encontrava nos estádios M3, P3. Peso: 46Kg e Estatura: 1,55 m. Quanto ao desenvolvimento puberal de Fabiana, qual a hipótese diagnóstica mais provável?
João, 18 anos, residente em Fortaleza, comparece à unidade de saúde após “picada” de escorpião há cerca de 4 horas. Apresenta dor local. Quanto à conduta, assinale a alternativa CORRETA:
Peri, 35 anos, é atendido pelo GSE em via pública, após acidente automobilístico. Está alcoolizado, apresenta trauma torácico, com desconforto respiratório e hipotensão (PA 90/60 mmHg), que responde a infusão de cristaloides; FC 100 bpm, FR 28 irpm. Submetido a cateterismo vesical que dá saída a 50 ml de urina sanguinolenta, à ultrassonografia abdominal que revela moderada quantidade de líquido livre na cavidade peritoneal; à radiografia de tórax com hipotransparência difusa em hemitórax esquerdo. O procedimento a ser realizado no tórax é:
Compartilhar