Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia do Trauma

Geraldo, 68 anos de idade, vítima de atropelamento, dá entrada em choque hipovolêmico grave que não responde a infusão de 4000ml de Ringer Lactato. É iniciada a infusão de concentrado de hemácias e levado a laparotomia exploradora. Durante a cirurgia são infundidas mais de 8 bolsas de concentrado de hemácias e o paciente continua sangrando com grande laceração hepática. O cirurgião decide então a aplicar o controle do dano. Em relação à cirurgia de controle de dano pós-traumatismo, assinale a afirmativa CORRETA:

A
A hipotermia não é levada em consideração nesse caso.
B
Sua utilização deve ocorrer apenas depois de esgotados os meios disponíveis de tratamento cirúrgico do trauma.
C
Este procedimento deve ser considerado antes que o choque hemorrágico e as alterações metabólicas se instalem de maneira progressiva.
D
Este procedimento deve ser considerado exclusivamente nos casos de síndrome de compartimento abdominal.
Lactente com 8 meses é levado a unidade básica de saúde para atualização de seu cartão vacinal e fazer uma consulta. Período gestacional sem intercorrências, sorologias materna normais. Nasceu prematuro de 28 semanas e evoluiu com cianose e dificuldade respiratória. Foi intubado em sala de parto e transferido para a UTI neonatal. Feito diagnóstico de membrana hialina, recebeu surfactante e permaneceu em ventilação mecânica por um mês. Ainda recebeu diagnóstico de cardiopatia congênita e passou por correção cirúrgica aos três meses. Apresentou várias complicações infecciosas no pós-operatório, permanecendo internado até a idade de sete meses. Não recebeu nenhuma vacina durante o período de internação e nem após alta hospitalar, exceto a primeira dose de hepatite B e BCG. Ao exame físico não apresenta cicatriz vacinal. Considerando o caso apresentado, é CORRETO afirmar que:
A mucormicose é uma infecção grave, de etiologia fúngica, que pode ser fatal devido a uma rápida disseminação da infecção pela capacidade dos fungos em invadir e se propagar dentro dos vasos sanguíneos, resultando em infarto de tecidos acometidos. Aponte a alternativa que NÃO corresponde a essa doença, que está relacionada à população diabética.
Uma paciente de 50 anos de idade, tabagista, está no 1° dia de pós-operatório de uma nefrectomia eletiva realizada por via videolaparoscópica para tratamento de um tumor renal e apresenta febre de 38° C. A causa mais provável desta febre é:
Lactente de 7 meses de idade foi levado ao pronto atendimento, pois, após três dias de sintomas gripais, apresentou crise convulsiva tônico-clônica generalizada que durou alguns minutos. A mãe nega episódios anteriores e casos de epilepsia na família. Ao exame físico, observa-se paciente febril (temperatura axilar 38,5°C). hipoativo, porém responsivo (Glasgow 15/15), pupilas isocóricas e fotorreagentes. Otoscopia evidencia abaulamento da membrana timpânica à direita. Com base nesse caso clínico, julgue o item a seguir: usa-se a amoxicilina, antibiótico de primeira escolha na otite média aguda adquirida na comunidade, salvo algumas exceções.
Compartilhar