Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Endocrinologia

Homem, 43 anos, obeso, relata mal-estar, taquicardia, sudorese, confusão mental e cefaleia sempre que fica em jejum por algum tempo, com melhora dos sintomas assim que se alimentava. Até um último episódio em que não conseguiu tempo suficiente para tal e acordou na emergência do hospital onde você está de plantão. Estes sintomas são sugestivos de:

A
Diabetes Mellitus
B
Insulinoma
C
Síndrome de Zollinger-Ellison
D
Gastrinoma
E
Carcinoide
Mulher, 33 anos, apresenta lesão cutânea discrômica na panturrilha esquerda. Submetida à biópsia excisional que demonstrou melanoma Clark II, Breslow 0,69 mm, ulcerado, com áreas de regressão. Exame físico: linfonodos não palpáveis e ausência de visceromegalias. Os exames necessários para o estadiamento e a conduta são:
Jovem, 23 anos, sofreu acidente automobilístico, apresentando dificuldade respiratória e confusão mental. Exame físico: PA = 60 x 30 mmHg, FC = 60 bpm, respiração diafragmática, Glasgow = 12, tetraplegia. Hemoglobina = 12 g/dl. Pressão venosa central = 6 mmHg. Gasometria arterial (ar ambiente): pH = 7,28, PaCO2 = 60 mmHg. Tomografias computadorizadas de crânio e abdome sem alterações. O DIAGNÓSTICO E CONDUTA SÃO:
Recém-nascido com 2 horas de vida apresentou convulsões. Trata-se de um recém-nascido a termo, adequado para a idade gestacional, com respiração espontânea ao nascer e Apgar no 1.º minuto de 7 e no 5.º minuto de 8, cuja mãe recebeu fenitoína durante a gestação. A hipótese diagnóstica mais provável para explicar as convulsões é
Homem de 42 anos de idade, com diagnóstico de hanseníase virchowiana fez tratamento com poliquimioterapia para multibacilar por 12 meses. Após três meses do término do tratamento, surgiram pápulas e nódulos eritemato-edematosos nos braços e pernas, acompanhados de febre e mialgia. Trata-se de
Compartilhar