Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia Vascular

Homem de 40 anos, arrítmico, sem outras comorbidades, chega ao pronto-socorro com história de dor súbita intensa e resfriamento em panturrilha esquerda há aproximadamente 4 horas. Nega história de claudicação intermitente prévia. Exame físico: membro inferior esquerdo pálido, com dor à palpação de panturrilha e sem pulsos femoral, poplíteo, tibial posterior e pedioso. No membro contralateral, todos os pulsos estão presentes e cheios. Assinale o diagnóstico e conduta.

A
Oclusão arterial aguda embólica; anticoagular o paciente e encaminhá-lo o mais rápido possível para o centro cirúrgico para desobstrução arterial de urgência.
B
Oclusão arterial aguda trombótica; anticoagular o paciente e encaminhá-lo o mais rápido possível para o centro cirúrgico para se proceder à desobstrução arterial de urgência.
C
Oclusão arterial aguda embólica; anticoagular o paciente, enfaixar os membros inferiores, colocá-los em proclive, realizar fasciotomia para tratar a síndrome compartimental instalada e programar arteriografia.
D
Oclusão arterial aguda trombótica; anticoagular o paciente, enfaixar os membros inferiores, colocá-los em proclive e programar arteriografia.
E
Oclusão arterial aguda embólica; enfaixar os membros inferiores, colocá-los em posição de Trendelemburg e iniciar anticoagulação sistêmica.
Assinale a alternativa que preenche, correta e respectivamente, as lacunas do caso clínico a seguir. Paciente veio à consulta por apresentar icterícia, náuseas e desconforto abdominal, quadro iniciado há 3 semanas. Exames laboratoriais iniciais mostraram aumento de bilirrubinas conjugadas e de transaminases hepáticas. O achado de ............ positivo define o diagnóstico de ............. aguda.
No tratamento da dor crônica, que grupo de fármacos constitui a primeira escolha para melhorar o padrão do sono?
Mulher, 32 anos, com poliartrite periférica há 2 meses. O exame que NÃO tem relevância na investigação diagnóstica é :
Qual autoanticorpo tem maior frequência nos casos de Lúpus eritematoso sistêmico?
Compartilhar