Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Homem de 40 anos com queixa de pirose traz uma endoscopia que revelou esôfago de Barrett longo. O exame histopatológico confirma esôfago de Barrett sem displasia. A melhor conduta a seguir é:

A
Observação.
B
Inibidor de bomba de prótons.
C
Válvula antirrefluxo.
D
Ablação a Laser.
E
Ressecção.
Paciente de 32 anos tenta engravidar há quatro anos. O espermograma do parceiro é normal. A histerossalpingografia revelou cotte positivo bilateralmente. No 23° dia do ciclo, a dosagem sérica da progesterona foi de 1 ng/ml e a histologia na biópsia de endométrio foi compatível com fase proliferativa. Para o caso descrito, a conduta mais adequada é indicar:
É atendido na emergência, lactente de quatro meses acompanhado de sua mãe com história de queda acidental do colo há duas horas. Foi diagnosticada fratura na diáfise do fêmur em espiral. Diante da suspeita consistente de maus-tratos, a atitude imediata correta será:
Em relação aos antiagregantes plaquetários como a aspirina e o clopidogrel, é correto afirmar que:
Assinale a alternativa que contém o(s) critério(s) mais adequado(s) para o diagnóstico de asfixia perinatal.
Compartilhar