Questões na prática

Clínica Médica

Nefrologia

Homem de 71 anos consultou por apresentar sintomas do trato urinário inferior tanto de esvaziamento quanto de armazenamento, classificados como severos de acordo com o IPSS (escore internacional de Sintomas Prostáticos). Ao exame físico, palpava-se próstata aumentada, de consistência elástica e sem nódulos suspeitos ou áreas endurecidas. A medida do fluxo urinário sugeriu baixa probabilidade de obstrução infravesical. O PSA total foi de 3 ng/ml, e a creatinina sérica, de 0,9 mg/dl. A ultrassonografia das vias urinárias mostrou rins normais sem ectasia ureteropielocalicial, bexiga com paredes moderadamente espessadas e volume prostático de 30 cm³ sem projeção do lobo mediano. O resíduo pós-miccional foi de 30 ml, e o EQU e a urocultura não revelaram anormalidades. Qual o tratamento mais adequado neste momento?

A
Observação apenas
B
Administração de bloqueador alfadrenérgico
C
Administração de inibidor da alfa-5-redutase
D
Ressecção transuretral da próstata
E
Prostatectomia retropúbica simples
A hérnia direta recorrente corresponde, na classificação de Nyhus para as hérnias da virilha, ao:
Em relação à síncope, é correto afirmar:
Mulher, 48 anos, após tratamento dentário passou a queixar-se de dor e abaulamento cervical submandibular direita. Ao exame apresenta trismo e massa de limites imprecisos com cerca de 6cm de diâmetro sem pontos de flutuação. A tomografia computadorizada confirmou o diagnóstico de abscesso cervical profundo e presença de ar dissecando os tecidos do pescoço, tendo sido iniciado antibioticoterapia. Considerando o diagnóstico, qual deverá ser a conduta adotada?
M.F.I, 47 anos, sexo masculino, hipertenso e diabético tipo II não insulino-dependente, queixa-se de dificuldade de deambulação devido perda da sensibilidade nos membros inferiores há 3 horas. Apresenta extremidades inferiores frias bilateralmente, pulsos não palpáveis. Considerando um quadro de oclusão arterial aguda, o que torna o membro isquêmico inviável é:
Compartilhar