Questões na prática

Clínica Médica

Endocrinologia

Cardiologia

Homem veio ao consultório angustiado com exames laboratoriais de rotina realizados em outro serviço. Vê-se duas amostras distintas de glicemia de jejum: primeira = 121 mg/dL e a segunda = 112 mg/dL. Qual é a conduta a ser tomada?

A
Iniciar tratamento para Diabetes mellitus e solicitar os exames de rastreamento de lesão de órgão-alvo.
B
Iniciar atividade física e dieta para diabético, além de solicitar, após 6 meses, nova glicemia de jejum.
C
Acalmar o paciente dizendo que não se trata de um caso de diabetes e mantê-lo em observação com nova glicemia de jejum após 1 ano.
D
Solicitar teste de tolerância oral à glicose.
E
Solicitar hemoglobina glicada.
Homem de 50 anos com quadro de pirose retroesternal e regurgitação leve há 10 anos, com períodos de sintomatologia irregulares e uso intermitente de IBP. Há um ano houve agravamento do quadro clínico, com episódios de odinofagia e piora da pirose retroesternal. Na endoscopia EED de um mês, verificou-se: hérnia hiatal de 3 cm com erosões esparsas no terço distal do esôfago e Barrett de 2 cm; BEG, corado, IMC - 25 e sem comorbidades. Conduta:
Com relação à classificação de estado físico pela Sociedade Americana de Anestesiologia (ASA), numere a coluna da direita de acordo com sua correspondência com a coluna da esquerda; 1. Paciente de 57 anos, feminino, com HAS controlada e colecistite aguda calculosa; 2. Paciente de 62 anos, masculino, cirrótico por ETOH, Child C, com perfuração de cólon após paracentese abdominal; 3. Paciente de 72 anos, masculino, com enfisema pulmonar e hipertensão pulmonar moderada, com oclusão arterial aguda em membro inferior esquerdo; 4. Paciente de 16 anos, feminino, hígida, com diagnóstico de hérnia umbilical pequena redutível; ( ) ASA V.; ( ) ASA I.; ( ) ASA III.; ( ) ASA II. Assinale a alternativa que apresenta a numeração CORRETA na coluna da direita, de cima para baixo.
Recém-nascida de parto normal, a termo, adequada para a idade gestacional, APGAR 8 e 9, com características de Síndrome de Turner. Apresenta no segundo dia de vida, taquidispneia, com tiragem intercostal, ritmo cardíaco regular em três tempos, frequência cardíaca elevada, sopro sistólico na região paraesternal esquerda no terceiro espaço intercostal, pressão arterial em membro superior direito elevada, fígado a 4 cm do rebordo costal direito. O diagnóstico mais provável é:
Os distúrbios da motilidade esofágica são alterações funcionais e interferem na deglutição ou produzem disfagia sem qualquer obstrução mecânica. Os sintomas de regurgitação, perda de peso, disfagia após ingestão inicial de líquidos gelados, hipomotilidade e aumento da incidência de câncer de esôfago são características comumente encontradas em:
Compartilhar