Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia Geral

João, 58 anos, natural de Minas Gerais, hipertenso há 20 anos, chega à Emergência com dor abdominal aguda seguida por distensão e vômitos fecaloides, há 24 horas. História de cirurgia para apendicite aguda há 24 horas e doença diverticular. Exame físico: T.ax 36,5°C, PA 90 x 60 mmHg, FC 108 bpm, FR 28 irpm. Exames laboratoriais iniciais: hematócrito 45%, leucócitos 10.000/mm3, creatinina 1,6 mg/dL, ureia 78 mg/dL, K 4,9 mEq/l, Na 140 mEq/l. A conduta, após estabilização hemodinâmica, é:

A
cateterismo nasogástrico e tomografia computadorizada após 48 horas.
B
antibioticoterapia e reavaliação clínica em 72 horas.
C
laparotomia exploradora.
D
dieta zero e pró-cinéticos.
A respeito do divertículo de Meckel, assinale a alternativa correta.
Com relação às afecções inguino-escrotais na infância, assinale a alternativa INCORRETA:
Você avalia um lactente de 3 meses de vida com hérnia umbilical, macroglossia e visceromegalia. Apresentou peso de nacimento de 4300g e hipoglicemia no período neonatal. Levando em consideração a síndrome apresentada por esse lactente, responda qual dos tumores abaixo é o mais provável que essa criança pode vir a ter?
Qual é a cirurgia indicada no tratamento cirúrgico do pâncreas anular?
Compartilhar