Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia Geral

Paciente masculino, 54 anos de idade, portador de prótese mecânica de válvula mitral, tabagista, hipertenso apresenta o diagnóstico de estenose pilórica severa devido á úlcera péptica com identificação de tratamento cirúrgico. Em relação aos cuidados operatórios gerais, assinale a alternativa incorreta.

A
A realização de operação eletiva é contra indicada em todo paciente cujo valor da concentração de hemoglobina seja menor que 10 g/dL ou o hematócrito inferior a 30%.
B
Pacientes submetidos a cirurgias extensas para doenças maligna pélvica ou abdominal constituem risco alto para trombose venosa profunda pós-operatória.
C
Pacientes portadores de prótese valvar mecânicas necessitam ser submetidos à profilaxia com antibióticos para endocardite. Devem ser observados também os cuidados a respeito do uso de anticoagulantes.
D
A ação do tabaco sobre a função respiratória aumenta os riscos de complicações pulmonares, mesmo naqueles que não possuem doença respiratória. Aparentemente esse risco só diminui após oito semanas de interrupção do fumo.
E
A atelectasia constitui uma complicação pós-operatória em pacientes que realizaram operação torácica e abdominal alta.
Paciente procura atendimento com queixas sugestivas de anemia. Eritrograma mostra Hb = 6,0 e VCM = 121. Com base nestes dados, qual das hipóteses abaixo deve ser excluída do diagnóstico diferencial?
Atendendo uma chamada de urgência na enfermaria clínica, observa-se um paciente com hematêmese franca. Após exame e manuseio inicial, com estabilização dos sinais vitais, é visto no prontuário que o mesmo realizou endoscopia digestiva alta pela manhã, tendo sido evidenciado úlcera duodenal não sangrante. Enquanto o serviço de endoscopia prepara-se para receber novamente o paciente, alguns procedimentos cabíveis podem ser realizados. Qual dos itens abaixo representa terapêutica desnecessária neste paciente?
Paciente de 50 anos, previamente sadia, é internada por febre e aparecimento de equimoses em todo o corpo há 2 dias. Os exames de admissão evidenciam Hb = 9,1, discreta leucocitose, plaquetas = 15.000, presença de numerosos esquizócitos no esfregaço periférico, LDH = 1.500 e creatinina = 2,3 mg/dl. Considerando o provável diagnóstico desta paciente, assinale a opção que representa a terapia mais apropriada para este caso.
Mulher de 45 anos, previamente saudável, procura atendimento por dor em cotovelo e febre. Refere inchaço, dor e vermelhidão no cotovelo direito há cerca de 24h, acompanhada de febre de até 40 °C com calafrios. Exame físico evidencia sinais flogísticos em cotovelo direito com demais articulações normais. Não há outros achados no exame físico. Exames laboratoriais evidenciam somente leucocitose de 16.000 células com desvio à esquerda (10% de bastões). Qual a melhor conduta a ser adotada?
Compartilhar