Questões na prática

Pediatria

Lactente com quatro meses de vida é trazido pela avó ao Pronto Atendimento por apresentar febre alta, recusa alimentar, vômitos pós-alimentares e gemência há três dias. Ao exame físico, verifica-se taquipneia, tiragem subcostal, com um murmúrio vesicular rude uniformemente distribuído. Feito o RX de tórax, constataram-se opacidades heterogêneas em lobo médio, sem presença de derrame pleural. Qual a melhor conduta para o caso, considerando a epidemiologia local?

Qual dos grupos de antibióticos abaixo é considerado de primeira escolha para o tratamento da infecção pela Bordetella pertussis?
Responda às questões 13 e 14 considerando o caso clínico que segue. Paciente do sexo masculino, 38 anos, pedreiro, casado, natural e procedente de Natal, é admitido em pronto-socorro queixando-se de dor abdominal difusa e febre alta, que se seguiu a sonolência. O acompanhante revela que o quadro se instalou nas últimas 48 horas e que o paciente é portador de cirrose hepática de etiologia alcoólica. Ao examiná-lo, o médico evidencia sonolência, miose, taquisfigmia, temperatura de 38 graus centígrados, torpor. Não há sinais de irritação meningo-radicular. A ausculta cardiopulmonar não acrescenta novos dados. O exame abdominal revela ascite tensa.A intervenção diagnóstica correta para esse caso é:
Criança de 12 anos chega ao serviço de emegência com quadro de febre alta, rebaixamento do nível de consciência e lesões purpúricas disseminadas pelo corpo. Início dos sintomas há aproximadamente 12h. O paciente encontra-se pálido +++/4+, desidratado +++/4+, acrocianótico. Glasgow 7. Não apresenta sinais de irritação meníngea. Respiração irregular, sem ruídos adventícios à ausculta pulmonar, Saturação de oxigênio = 88%. Ausculta cardíaca normal, pulsos periféricos fracos, perfusão capilar periférica de 5 segundos, frequência cardíaca de 168 bpm, Pressão arterial de 80 x 40 mmHg. A classificação do quadro hemodinâmico do paciente segundo as diretrizes do PALS e a conduta inicial mais adequada são:
O teste mais útil para o diagnóstico da tuberculose peritonial é:
Compartilhar