Questões na prática

Pediatria

Pediatria Geral

Lactente de 1 ano de idade, pesando 8,0Kg, baixo nível socioeconômico e condição ambiental precária, apresenta há um dia quadro diarreico com três evacuações líquidas, de coloração esverdeada e presença de muco, acompanhada de vômito pós-alimentar, dor abdominal intermitente e febre. No exame físico apresentava-se apática, choro fraco, palidez cutânea, mucosas secas e olhos encovados. A melhor conduta, neste caso, é:

A
Pausa alimentar, hidratação endovenosa e realimentação com fórmula isenta de lactose.
B
Pausa alimentar, antiemético, terapia de reidratação oral (TRO) e realimentação com fórmula isenta de lactose.
C
TRO e realimentação com fórmula isenta de lactose.
D
TRO, realimentação com leite de vaca diluído e antibioticoterapia.
E
TRO, realientação com a dieta habitual do paciente e manutenção da hidratação com soro oral.
Homem com 26 anos chega ao consultório do urologista com quadro de aumento progressivo testicular à esquerda há 3 meses. Ao exame físico, identificou-se o testículo esquerdo aumentado e endurecido, levemente doloroso à palpação e sem sinais flogísticos. Qual exame deve-se solicitar e qual o provável diagnóstico?
Em paciente de 5 anos de idade taquidispneico, em regular estado geral, com pneumonia + derrame pleural é realizada punção torácica que revela líquido pleural seroso, com 2 g% de proteína, pH 7,4, LDH = 92, glicose = 85 e 50 células com 70% mononucleares. A conduta imediata mais apropriada nesse caso é:
As manobras de Yergason é um Phalen são semiologicamente úteis para o diagnóstico, respectivamente, de:
Mulher, 52 anos de idade, assintomática, em início de menopausa, apresentou em exames de rotina: AST: 210 U/dl; ALT: 102 U/dl; gamaglutamiltransferase: 92 U/l. Não faz reposição hormonal. Nega transfusões sanguíneas e tem apenas um parceiro sexual. O exame físico é normal. Realizou exames adicionais que revelaram: Hb: 13,2 g/dl; Ht: 37%; leucograma: 5.700 leuc/mm³ sem desvios; glicemia: 82 mg/dl. Anti-HCV positivo; AgHBs negativo; índice de saturação de transferrina: 40%; ferritina sérica: 850 mcg/L. Anticorpos antimitocôndria, antimúsculo liso e anti-LKM negativos. Anticorpos anti-TPO positivos. A alteração renal mais provável, nesse caso, é:
Compartilhar