Questões na prática

Cirurgia

Urologia

Cirurgia Geral

Cirurgia Pediátrica

Lactente de 45 dias de vida é atendido no pronto-socorro com história de ter evacuado fezes com sangue vivo há cerca de 3 horas. Estava irritado, chorando muito há 48 horas. Não relata febre. Ao exame, a criança está chorando, irritada, o abdome está distendido e tenso à palpação. O exame da genitália revela aumento de volume em região inguinal direita. Baseado no mais provável diagnóstico, qual deve ser a conduta para este caso?

A
Internar, parecer imediato do cirurgião pediátrico; provável quadro de invaginação intestinal.
B
Administrar analgésicos e retorno ao pediatra; provável caso de alergia a leite de vaca e presença de hérnia inguinal à direita.
C
Internar, parecer imediato do cirurgião pediátrico; provável quadro de hérnia inguinal encarcerada.
D
Administrar analgésicos, retorno ao pediatra; provável caso de alergia a leite de vaca e presença de hidrocele.
E
Internar, parecer imediato do cirurgião pediátrico; provável caso de torsão de testículo.
Em pacientes grandes queimados, com lesões de espessura total, em que os anexos dérmicos estão destruídos, o tratamento recomendado é:
São fatores relacionados a maior risco de osteoporose:
Paciente de 28 anos, grávida com 32 semanas de gestação, é vítima de acidente automobilístico com trauma abdominal contuso. Dá entrada no setor de emergência torporosa com insuficiência respiratória e choque circulatório. A respiração apresenta roncos e estridores. O murmúrio vesicular está diminuído à esquerda. Entre as medidas a serem tomadas no atendimento, é prioritária:
Na investigação das duas causas mais frequentes de infertilidade conjugal, em nosso meio, os primeiros exames que devem ser solicitados ao casal, são:
Compartilhar