Questões na prática

Pediatria

Cardiopediatria

Lactente de cinco meses com cianose de mucosas, leitos ungueais, que piora com choro e, às vezes com mamadas. Exame físico: entrófica, eupneia, sopro rude em borda esternal esquerda. Radiografia de tórax: ausência de infiltrado pulmonar, hipofluxo pulmonar, área cardíaca de tamanho normal. A hipótese diagnóstica mais provável é:

A
atresia de tricúspide.
B
tetralogia de Fallot.
C
comunicação interatrial.
D
transposição dos grandes vasos da base.
E
atresia da pulmonar com defeito septal ventricular.
NÃO é indicação de tratamento cirúrgico da hérnia umbilical em crianças menores que quatro anos: Referência: TOWSEND, C. M. e colaboradores. Sabiston, Tratado de cirurgia : a base biológica da moderna prática cirúrgica. Editora Elsevier, 3ª tiragem, 2005.
Leia o caso a seguir. Um lactente de 18 meses apresenta história de obstipação desde o nascimento. Quanto ao desenvolvimento neuropsicomotor, não anda e não fala. Nasceu a termo com peso de 3000 g e estatura de 49 cm e apresentou icterícia neonatal tardia com duração prolongada. Ao exame, apresenta estatura abaixo do percentil 3 (OMS), língua protusa, cabelos secos e quebradiços, pele seca e áspera. Fontanela anterior aberta. Abdome globoso com hérnia inguinal. Diante desse caso clínico, qual o exame complementar obrigatório para confirmação diagnóstica?
Criança de 02 anos de idade, sexo masculino, é levada a pronto atendimento com de febre e irritabilidade há 36 horas. Ao exame físico evidencia-se edema, calor e rubor no joelho direito, resistindo à mobilização passiva. Qual o diagnóstico mais provável e o exame mais importante para confirmar esse diagnóstico?
A respeito das hérnias femorais, assinale a assertiva correta.
Compartilhar