Questões na prática

Pediatria

Cardiopediatria

Lactente de cinco meses com cianose de mucosas, leitos ungueais, que piora com choro e, às vezes com mamadas. Exame físico: entrófica, eupneia, sopro rude em borda esternal esquerda. Radiografia de tórax: ausência de infiltrado pulmonar, hipofluxo pulmonar, área cardíaca de tamanho normal. A hipótese diagnóstica mais provável é:

A
atresia de tricúspide.
B
tetralogia de Fallot.
C
comunicação interatrial.
D
transposição dos grandes vasos da base.
E
atresia da pulmonar com defeito septal ventricular.
Em relação ao testículo criptorquídico, considere as assertivas abaixo. I - quando associado a hérnia inguinal clínica, deve-se indicar cirugia para correção concomitante da hérnia e da criptorquidia no momento do diagnóstico, independentemente da idade. II - A incidência de criptorquídia aumentou nos últimos anos, tendo sido a contaminação ambiental com exposição materna a componentes estrogênicos implicada como um dos fatores de risco. III - Durante os períodos pré-escolar e escolar o reflexo cremastérico é mais pronunciado e há aumento da ocorrência de testículos retráteis devido aos baixos níveis de andrógenos. Quais são corretas?
Considere a causa primária mais frequente e o distúrbio do ritmo mais comum da parada cardiorrespiratória em crianças e, a seguir, assinale a resposta correta.
Criança de cinco anos de idade, trazida pelos pais ao consultório devido massa abdominal direita palpável (detectada pelos pais), unilateral, lisa e regular. Tem história crônica de febre, anemia, anorexia, vômitos, hipospádia e criptorquidia unilateral corrigida no primeiro ano de vida. A principal hipótese diagnóstica é de:
Um menino de 3 anos de idade, sem antecedentes clínicos, apresenta há três semanas uma história de febre de moderada intensidade (38,5 °C), intermitente, acompanhada de um aumento na região cervical anterior submandibular direita, que, à palpação, mostra-se como um linfonodo relativamente móvel e doloroso de cerca de 4-5 cm de diâmetro. Marque a alternativa com o diagnóstico mais provável.
Compartilhar