Questões na prática

Clínica Médica

Pediatria

Nefrologia

Pediatria Geral

Lactente de quatro meses, previamente hígido, aleitamento materno exclusivo, pesando 5 kg, é atendido na emergência com desidratação grave. Foram feitas duas fases de expansão rápida, 1ª fase: 50 ml/kg em 1 hora e 2ª fase: 30 ml/kg em 1 hora de soro fisiológico, mas a criança não apresentou diurese. Os exames solicitados apresentaram os seguintes resultados: Na = 118 mEq/l, K = 3,5 mEq/l e Ca = 8,3 mg/dl. Assinale a alternativa que contém a conduta imediata a ser adotada.

A
Prescrever a nova fase de expansão com SF 0,9% com 25 ml/kg em 1 hora, seguida de hidratação de manutenção caso a diurese esteja presente.
B
Corrigir a hiponatremia com a infusão de NaCI a 3% em torno de 2 horas.
C
Repetir fase rápida com acréscimo de bicarbonato.
D
Iniciar fase de manutenção adicionando cálcio para corrigir o distúrbio de cálcio evidenciado.
E
Iniciar fase de manutenção com KCI 15% em uma infusão de 4 mEq/100cal.
De acordo com o ATLS, é correto afirmar:
O carcinoma esofágico caracteriza-se por:
Paciente de 35 anos, fumante, assintomático, é encaminhado para avaliação de lesão expansiva mediastinal detectada em exame radiológico do tórax de rotina. A tomografia computadorizada demonstra lesão arredondada de 6 centímetros de diâmetro, sólida, com limites bem definidos, situada no mediastino posterior junto à goteira paravertebral esquerda ao nível do quarto arco costal. Qual a hipótese diagnóstica mais provável no caso?
Paralisia completa de III nervo craniano acompanhada de cefaleia sugere:
Compartilhar