Questões na prática

Cirurgia

Cirurgia Geral

Cirurgia do Aparelho Digestivo

Luciana de 65 anos, agendada para cirurgia de colecistectomia via laparoscópica, com história clínica e exames pré-operatórios dentro dos padrões normais. Durante a indução do pneumoperitônio, apresentou hipotensão e bradicardia importantes. Qual a causa mais provável deste fato?

A
Redução do débito cardíaco e elevação da resistência vascular periférica.
B
Hemorragia intracavitária.
C
Pneumomediastino.
D
Absorção rápido do CO2 com consequente hipercapnia.
Com relação aos critérios anatômicos e clínicos, existe indicação para a cirurgia de revascularização miocárdica nos pacientes:
Um paciente, com 55 anos de idade, etilista crônico, procurou um pronto-atendimento com hematêmese e alteração do nível de consciência. Ao exame físico, observou-se indivíduo emagrecido, agitado, com pressão arterial de 80 x 50 mmHg, pálido, taquipneico, com moderada ascite. Após internação, os exames laboratoriais revelaram dosagem de albumina de 2,6 g/dL, bilirrubina de 3,5 mg/dL, INR (International Normalized Ratio) = 2,0 e sorologia positiva para vírus da hepatite C. As enzimas hepáticas encontravam-se elevadas e a razão entre AST/ALT duas vezes maior que o normal. A dosagem de GGT estava elevada. Qual a causa principal de descompensação clínica deste paciente?
Em relação ao crescimento da criança, assinale a alternativa incorreta.
Mulher, 23 anos, vem pela manhã à Unidade de Saúde da Família para realizar o exame citopatológico de colo uterino. O médico observa que na sala de espera a paciente apresenta risos imotivados, tosse, letargia, conversa com todos os presentes, com fala lentificada, está comendo a segunda barra de chocolate. Durante a consulta, constata hiperemia conjuntival, taquicardia, xerostomia, midríase, temperatura de 35,4°C. Registros de prontuário anterior apontam um irmão esquizofrênico. Mantida para observação, apresentou franca normalização dos sinais vitais e comportamentais, bem como recuperação da crítica. Considerando síndromes correlatas ao uso de drogas como hipótese diagnóstica, o diagnóstico e conduta são:
Compartilhar