Questões na prática

Clínica Médica

Pediatria

Gastroenterologia

Pediatria Geral

Mãe chega ao pronto-atendimento com seu filho de dois anos, referindo que, há três semanas, o menino apresenta episódios de diarreia líquida, com muco, cerca de quatro a seis vezes por dia. Informa que a criança está sem apetite e perdendo peso. Trata-se especialmente de um caso de diarreia:

A
bacteriana.
B
viral aguda.
C
crônica persistente.
D
por alergia à proteína do leite.
O sinal da dupla bolha em Raio X simples de abdome de recém nascido com clínica de oclusão intestinal alta sugere:
Em relação ao diagnóstico e tratamento do abdome agudo está INCORRETO:
Um recém-nascido de 42 semanas gestacionais, peso ao nascer de 4 kg, pele enrugada e descamada, com história de presença de líquido aspecto meconial no parto, apresentou taquipneia e gemência nas primeiras horas após o nascimento, que piorou nas próximas 24h. Evoluiu com reflexos neurológicos alterados e crises convulsivas. Apresentou cianose central com necessidade de suporte ventilatório. Sobre a fisiopatologia deste quadro, assinale a alternativa INCORRETA:
Recém-Nascido a termo, sexo feminino, grande para a idade gestacional, nascido por parto com auxílio de fórceps. Parto foi prolongado e difícil. Agora está com 24 horas de vida e está ativo e alerta. Não move seu braço esquerdo espontaneamente ou durante o reflexo de Moro, prefere mantê-lo rodado internamente e aduzido, o antebraço está estendido, pronado e o punho está fletido. O restante do exame físico é normal. Qual das seguintes alternativas indica este cenário?
Compartilhar