Questões na prática

Clínica Médica

Pediatria

Infectologia

Menina de 3 anos de idade é levada ao serviço de emergência devido à prolapso retal e anemia. O agente etiológico relacionado a este quadro é:

A
Ascaris lumbricoides.
B
Trichuris trichiura.
C
Enterobius vermicularis.
D
Ancilostoma duodenale.
Na mulher não grávida com diabetes tipo II são objetivos terapêuticos desejados, EXCETO:
Escolar de 10 anos, diabético tipo 1, insulinodependente , é levado ao ambulatório devido dificuldade controle glicêmico pela manhã ao acordar. Segundo sua mãe a criança acorda no início da madrugada com cefaleia e sudorese fria, mas pela manha a glicemia capilar encontra-se sempre elevada e a glicosúria é positiva. Em uso de insulina intermediária e rápida (3U/kg/dia) em esquema de 12/12h. Qual a provável causa da instabilidade glicêmica desta criança?
Paciente do sexo masculino, 62 anos, iniciou com dor em cólica no hipocôndrio direito, há três dias, acompanhado de anorexia, náuseas e vômitos. Trata-se de paciente com hipertensão arterial controlada, sem outras comorbidades. Ao exame físico, mostrava-se febril (38,2ºC) e a pesquisa do sinal de Murphy foi positiva. Ultrassonografia revelou a presença de vesícula biliar distendida com paredes espessadas, com inúmeras imagens hiperecogênicas em seu interior com sombra acústica posterior e coleção líquida perivesicular. Em relação ao caso, assinale a alternativa CORRETA:
Você recebe o telefonema de uma mãe cuja filha, de 3 anos de idade, frequenta creche onde ocorreu 1 (um) caso de escarlatina com um colega de sala. A mãe refere que a diretora orientou as mães a procurarem os pediatras de seus filhos. Sabe-se que a criança doente foi afastada e a creche permaneceu aberta. Qual a orientação que você recomenda para sua paciente?
Compartilhar