Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Hematologia

Menino de 8 anos com adenopatia cervical acentuada, com estado geral. Hemograma: intensa atipia dos linfócitos; levantado suspeita de leucemia. Reação de Paul-Bunnell negativa. Reação de Sabin-Feldman 1:4.000. Qual o provável diagnóstico?

A
Toxoplasmose adquirida.
B
Mononucleose.
C
Doença Gaucher-juvenil.
D
Citomegalovírus.
E
Calazar.
Em uma consulta de rotina, com o paciente sentado e com um minuto de intervalo entre cada medida, são obtidas as seguintes medidas de pressão arterial: Primeira medida - 170/100 mmHg; Segunda medida - 160/100 mmHg; Terceira medida - 165/95 mmHg. Nesta situação, o médico deve:
Criança de 6 anos com história de febre há 5 dias e tosse há 3 semanas. Há relato de ter ido passear na casa da tia em Friburgo há mais ou menos 1 mês atrás. Ao exame apresenta queda do estado geral, palidez cutâneo mucosa ++/4, taquipneia, FR=53irpm e crepitação em ambas as bases pulmonares. A hipótese diagnóstica diante do quadro com respectiva conduta para elucidá-la é:
De acordo com as orientações do Ministério da Saúde-Brasil para manejo de crianças nascidas vivas de mães infectadas pelo HIV é correto afirmar que:
Recém-nascido apresenta ao final do 1º minuto de vida frequência cardíaca 80bpm, choro fraco, reagindo à aspiração das vias aéreas com caretas, hipotonia generalizada e cianose central. Após os cuidados, ao final do 5º minuto, encontra-se com frequência cardíaca 130 bpm, chorando forte, reagindo à aspiração das vias aéreas com espirros e com as mãos, com hipotonia dos membros inferiores mas movimentando os superiores, mantendo a cianose central. Qual o score de Apgar no 1º e 5º minutos de vida, respectivamente?
Compartilhar