Questões na prática

Clínica Médica

Hematologia

Reumatologia

Mulher, 23 anos, tabagista 30 maços/ano, índice de massa corpórea = 30 kg/m², comparece ao seu consultório em uso de Warfarin por trombose venosa profunda no membro inferior esquerdo há 2 meses. Apresenta dosagem de anticardiolipina IgG de 60 unidades GPL. Quanto aos aspectos diagnósticos da síndrome do anticorpo antifosfolípide (SAAF) marque o correto:

A
Sendo obesa, o anti-B2 glicoproteína é o melhor marcador e deve ser dosado duas semanas após o anticardiolipina.
B
Só podemos definir SAAF com uso de dois marcadores clínicos distintos e devemos solicitar anticoagulante lúpico.
C
Para o diagnóstico definitivo de SAAF necessitamos de nova dosagem de anticardiolipina com, no mínimo, 12 semanas após a primeira.
D
Devemos suspender o Warfarin e repetir imediatamente o anticardiolipina que só terá valor se em título superior ao inicial.
E
No caso em questão, o diagnóstico de SAAF já é definitivo, não necessitando de novas avaliações.
Homem, 60 anos, submetido à gastrectomia subtotal com linfadenectomia D2 e reconstrução do trânsito através de gastrojejunostomia em y de Roux. A profilaxia antibiótica recomendada é:
A (s) substância (s) que deve (m) ser associada (s) à estatina e o nível de colesterol LDL desejado para redução da morbimortalidade cardiovascular em pacientes com doença arterial periférica de membros inferiores são, respectivamente:
Em relação à sepse bacteriana neonatal precoce, é correto afirmar:
Assinale a alternativa CORRETA.
Compartilhar