Questões na prática

Clínica Médica

Pneumologia

Paciente, 75 anos de idade, que trabalhou em olaria e fumou dos 15 aos 65 anos de idade, queixa-se de dispneia progressiva há 20 anos. No momento, tem dispneia aos pequenos esforços e períodos de agravamento com tosse e secreção amarelada após gripes ou resfriados. Ao exame físico, apresentava-se em bom estado geral, corado, hidratado, afebril, taquipneico, cianótico e emagrecido. Havia estertores finos bilaterais, redução bilateral e simétrica dos limites pulmonares e baqueteamento digital. O diagnóstico mais provável é:

A
Bronquiectasias.
B
Doença pulmonar obstrutiva crônica.
C
Silicose pulmonar.
D
Fibrose pulmonar idiopática.
É causa de fratura do colo femoral em idosos:
A causa mais comum de colelitíases em crianças não neonatos é:
R.S.P, sexo feminino, 38 anos de idade, casada, 3 filhos, trabalha atualmente como atendente/vendedora em uma joalheria no centro da cidade, anteriormente, por 8 anos trabalhou como bancária. Refere ter presenciado mais de 3 assaltos nos últimos quatro anos. No último assalto, há três meses, foi ameaçada de morte com arma de fogo pelos assaltantes. Após o último episódio, refere que recorda os episódios que foi assaltada persistentemente, sonha que está no trabalho sendo assaltada. Atualmente, tem receio de retornar ao trabalho. Queixa ainda: insônia, irritabilidade e falta de atenção. Assinale a hipótese diagnóstica para este caso.
Aneurisma é caracterizado pela dilatação anormal de um vaso sanguíneo causado pelo enfraquecimento de suas paredes e podem ocorrer basicamente em qualquer vaso sanguíneo. Com relação à patogênese dos aneurismas arteriais, assinale a alternativa verdadeira:
Compartilhar