Questões na prática

Clínica Médica

Cardiologia

Mulher, 30 anos, foi admitida com quadro de dispneia aos esforços progressivos há cerca de 10 meses, com piora acentuada na última semana, apresentando dispneia aos esforços habituais associada a queixas de palpitações persistentes acompanhadas de ortopneia, edema de membros inferiores e aumento do volume abdominal. Seu exame físico revela FC 140 bpm, ritmo cardíaco irregular, PA 126x76 mmHg. Ausculta cardíaca: B1 hiperfonética com a presença de ruflar diastólico de baixa frequência após estalido de abertura próximo à segunda bulha em foco de ápice cardíaco. Ausculta pulmonar normal. Pergunta-se: Qual a provável causa da descompensação clínica ocorrida na última semana?

A
Embolia pulmonar.
B
Isquemia miocárdica aguda.
C
Ruptura de músculo papilar.
D
Fibrilação atrial.
E
Miocardite aguda.
O médico da Unidade Básica de Saúde atende uma jovem de 18 anos que relata ter sido vítima de abuso sexual na noite anterior. Qual a melhor conduta a ser adotada?
A queda representa um grande problema para as pessoas idosas dadas as suas consequências (injúria, incapacidade, institucionalização e morte) que são resultado da combinação de alta incidência com alta suscetibilidade às lesões. Marque a alternativa INCORRETA:
Paciente feminina, de 36 anos, procura atendimento devido a dor em hipocôndrio direito, com início súbito, em cólica, com irradiação dorsal. Ao exame físico, apresenta dor à palpação no hipocôndrio direito, com sinal de Murphy presente. Com relação ao quadro descrito, assinale a alternativa INCORRETA.
Em relação a endocardite infecciosa, podemos afirmar que:
Compartilhar