Questões na prática

Clínica Médica

Hematologia

Mulher, 52 anos de idade, 1,65 m de altura, 60 kg, procurou o médico por conta de linfadenomegalia cervical, sendo diagnosticado linfoma não Hodgkin difuso de grandes células B. Foi iniciado tratamento quimioterápico, com regressão da massa cervical e sem intercorrências durante os dois primeiros ciclos. Entretanto, 11 dias após o terceiro ciclo de quimioterapia, a paciente procura o médico com queixa de equimoses e petéquias em membros inferiores e superiores, além de cansaço aos esforços. Também apresentou um pico febril não aferido 2 dias antes. Ao exame, estava descorada, sem adenomegalias, com várias equimoses numulares em braços e pernas. Pressão arterial de 105 x 65 mmHg e frequência cardíaca de 80 bpm. O hemograma revelou: hemoglobina de 8 g/dl; hematócrito de 25%; glóbulos brancos = 3.500/ml; neutrófilos = 2.000/ml e plaquetas = 48.000/ml. Em relação ao quadro hematológico, a conduta mais adequada é:

A
Transfundir dois concentrados de hemácias irradiadas e seis concentrados de plaquetas irradiadas.
B
Transfundir dois concentrados de hemácias irradiadas.
C
Administrar eritropoetina e transfundir seis concentrados de plaquetas irradiadas.
D
Aguardar recuperação espontânea da hemoglobina e plaquetas.
Assinale a alternativa que apresenta as células predominantes durante a fase proliferativa de uma ferida em cicatrização.
Assinale a assertiva incorreta sobre oclusão arterial aguda:
A cirurgia de escolha para a reconstituição biliodigestiva, após a ressecação do cisto de colédoco, é a:
Com relação à hiperplasia endometrial, não está correto afirmar:
Compartilhar