Questões na prática

Clínica Médica

Nefrologia

Reumatologia

Mulher, 58 anos, há seis meses apresentou três episódios de sinusite. Há uma semana surgiram lesões eritematosas, algumas delas evoluindo para úlceras, um edema periorbital, febre e tosse. Investigação complementar revela creatinina de 4,2; radiografia de tórax com infiltrado intersticial, radiografia de seios da face com uma pansinusite. A principal hipótese diagnóstica é:

A
púrpura de HENOCH-SCHÖENLEIN.
B
síndrome de GOODPASTURE.
C
AIDS.
D
granulomatose de WEGENER.
E
poliarterite nodosa.
Marcos, 20 anos, há dois anos, vem apresentando mudança de comportamento, começou a ter retraimento social, deixou de estudar, ficava recluso no seu quarto, sem conversar com familiares e não saía de casa. Referia ter desconfiança dos vizinhos, achava que o olhavam de modo estranho. Dizia que o estavam filmando e que seus pensamentos estavam sendo transmitidos. Dizia que o vizinho estava praticando vodu e ouvia vozes em sua casa, que o acusavam e o ameaçavam. Nega uso de álcool, embora tenha usado maconha ocasionalmente aos 15 anos. O exame físico não revelou anormalidades e todos os testes sanguíneos foram normais. Ao exame do estado mental apresenta afeto embotado, anedonia, abulia, irradiação do pensamento, delírio de controle e alucinações auditivas. Sua fala tem velocidade, ritmo e tom normais. O diagnóstico deste caso é de:
Uma criança de três anos é trazida para avaliação de gagueira de inicio recente. O desenvolvimento neuropsicomotor é normal. Aos pais deve ser dito que a gagueira:
Chega ao ambulatório de triagem um professor de 62 anos, que se queixa de alterações na coloração das mãos quando em contato com o frio, compatíveis com o fenômeno de Raynaud. Ele nega outros sinais e sintomas. No caso em tela, a possibilidade de estar diante de um caso de doença de Raynaud se reforça por:
Leia o caso clínico abaixo e responda. Dá entrada no setor de emergência, trazido por unidade móvel do Corpo de Bombeiros, um rapaz que sofreu acidente automobilístico. Ele era o carona, o carro foi atingido à esquerda e o motorista faleceu no local. Tem 30 anos e está alcoolizado. Foi utilizada a sequência de atendimento inicial ao politraumatizado, com infusão em bolus de 2.000 ml de Ringer lactato. Está sonolento e apresenta escoriações no flanco, distensão abdominal e dispneia. Sua PA é de 70 x 40 mmHg. FC = 130 bpm, FR = 34 ipm. Durante a avaliação neurológica, o paciente é classificado como Glasgow 8, por apresentar as seguintes evidências:
Compartilhar