Questões na prática

Clínica Médica

Cardiologia

Mulher, 73 anos de idade, com hipercolesterolemia, apresentou síncope de duração de 5 minutos em domicílio. Filha nega o uso de medicações, exceto sinvastatina e colírio para glaucoma. Esteve no cardiologista há 3 meses, que não recomendou novas medidas. Foi trazida ao PA onde se apresenta confusa, com pulso radial de 36 bpm, com pausas à inspiração. TA: 120 x 60 mmHg, FR: 20 ipm. Mucosas coradas, sem sinais neurológicos de localização ou de irritação meníngea. Pulmões limpos. Ausculta cardíaca mostra bulhas arrítmicas à custa de pausas, que duram até 30 segundos, além de sopro sistólico suave em foco aórtico. O ECG dessa paciente revela presença de onda P em D2, com intervalo PR de 0,13 segundos, períodos de pausa não precedidos de onda P, não múltiplos do intervalo RR, com duração de até 50 segundos e QRS com morfologia normal e eixo de 30 graus. Esses achados são compatíveis com:

A
bloqueio AV de segundo grau, mobitz tipo II
B
bloqueio AV de primeiro grau
C
bloqueio AV total
D
marca-passo migratório
E
bradicardia sinusal com parada sinusal
No centro cirúrgico, o paciente submetido à cirurgia hérnia inguinal com tela Marlex, foi monitorizada e submetida à raquianestesia e feita cefazolina no pré e no intraoperatório. Durante o procedimento cirúrgico, a pressão arterial variou entre 72x44 mm Hg e 136 x 71 mm Hg, a frequência cardíaca entre 68 e 123 bpm e a oximetria de pulso entre 93 e 97%. A cirurgia durou 255 minutos. A indicação de antibioticoterapia sistêmica realizada nesta paciente foi:
Com relação ao HIV/AIDS, marque a resposta incorreta:
Sobre a drenagem percutânea dos abscessos intra-abdominais, é correto afirmar, exceto:
No último verão vivemos uma grave epidemia de dengue que assolou a capital do nosso estado (Rio de Janeiro), sendo as principais vítimas as crianças, que são mais suscetíveis. Responda as questões a seguir de acordo com as afirmações abaixo: I- O vírus da dengue é um vírus RNA, gênero flavovírus, família flaviviradae. II- Existem 4 sorotipos identificados: DENV- 1; DENV- 2; DENV- 3 e DENV- 4 e todos os sorotipos podem causar doença grave. III- Na febre hemorrágica da dengue pode se observar um aumento do hematócrito em 20% ou mais. IV- Ao realizar prova do laço em crianças se considera positivo se contar um número de petéquias maior que 10 em um quadrado de 2,5 cm de lado.
Compartilhar