Questões na prática

Clínica Médica

Infectologia

Otorrinolaringologia

Paciente, 28 anos de idade, sexo masculino, apresenta-se há 72 horas com febre de até 39°C, cefaleia e dor de garganta. Notou vermelhidão na pele há 24 horas. Ao exame físico, apresenta enantema oral predominante em língua e tonsilas, com hipertrofia de papilas, além de exantema eritematodescamativo acometendo face e tronco e poupando palma das mãos e sola dos pés. O exantema facial poupa região perioral e apresenta-se mais intenso em dobras, onde conflui nas linhas de flexão. O hemograma mostrou 15 mil leucócitos/mm³ com 75% de polimorfonucleares, 160 mil plaquetas/mm³ e Hb: 16 g/dl. No diagnóstico desse paciente, o exame mais útil é:

A
sorologia para dengue
B
pesquisa de anticorpos heterófilos (Paul-Bunnel)
C
sorologia IgM para rubéola
D
teste rápido para estreptococos em orofaringe
E
hemoculturas
Neonato de 37 e 2/7 semanas de idade gestacional, nascido de cesariana eletiva sem intercorrências. Com 5 horas de vida iniciou quadro de taquipneia (FR = 80ipm), gemido expiratório, retração de caixa torácica e batimento de asa de nariz. Solicitado Raio X de tórax, que mostrava congestão vascular peri-hilar, infiltrado intersticial bilateral, espessamento de cisuras entre lobos superior e médio direitos e retificação de arcos costais. Qual provável hipótese diagnóstica desse paciente?
A utilização de cateter venoso central é contraindicação relativa ao uso de:
Um paciente vítima de acidente de trânsito há 2 horas, dá entrada no Pronto Socorro, apresentando sinais de contusão na região tóraco-abdominal à esquerda, dor torácica intensa à esquerda, hipotensão arterial importante, dispneia e sinais de insuficiência respiratória aguda. Os exames de imagem fazem o diagnóstico de hérnia diafragmática traumática à esquerda. Qual a melhor conduta no caso em questão?
Em tumores de bexiga, assinale a alternativa que melhor se adequa à utilização da complementação da ressecção transuretral (RTU), chamada de re-RTU.
Compartilhar