Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Ginecologia

Mulher casada de 37 anos, gesta 4, para 4, realizou colpocitologia oncótica que constatou lesão intraepitelial escamosa de alto grau. Qual a conduta indicada?

A
Repetir a colpocitologia após 6 meses.
B
Biópsia dirigida pela colposcopia.
C
Conização, preferencialmente por cirurgia de alta frequência.
D
Histerectomia total.
E
Pesquisa do subtipo do papilomavírus por biologia molecular.
O câncer cervical (uterino) invasivo é considerado evitável, porque possui um longo estado pré-invasivo, existem programas de rastreio com citologia cervical, e o tratamento das lesões pré-invasivas é efetivo. Quanto ao câncer cervical:
Homem, 32 anos, em bom estado geral, apresenta obstrução da via biliar, para a qual é solicitada CPER. Quais bactérias devem ser profilaticamente cobertas e qual o antibiótico de escolha?
Homem, 68 anos, com insuficiência cardíaca compensada e DPOC, apresenta quadro abdominal agudo compatível com síndrome perfurativa. Na cirurgia, é encontrada peritonite fecal difusa secundária à diverticulite aguda de sigmoide. Em relação ao uso de antibióticos, são feitas as seguintes assertivas. I. É imprescindível a coleta de secreção peritonial para orientar a terapêutica medicamentosa. II. A flora a ser coberta pelos antibióticos é a aeróbia gram-negativa e anaeróbia. III. A utilização de aminoglicosídeos é a melhor opção terapêutica para cobrir a flora gram-negativa. Qual é a alternativa correta?
São fatores que inibem a cicatrização, exceto:
Compartilhar